Lisboetas perdem sete dias por ano enfiados em filas de trânsito. Portuenses perdem seis dias

As cidades com pior trânsito no mundo são Mumbai na Índia, Bogotá na Colômbia e Lima no Peru. Lisboa surge na 77ª posição e o Porto na 121ª.

Cristina Bernardo

Os lisboetas perdem sete dias por ano enfiados em filas de trânsito. Por dia, são 42 minutos perdidos em média no trânsito, por uma hora de deslocação. No final de uma semana, o tempo perdido no trânsito atinge as três horas e meia. Passado um mês, quem circula de automóvel em Lisboa já perdeu 14 horas, metade de um dia.

Numa deslocação de 30 minutos realizada na parte da manhã, um condutor em Lisboa vai perder 20 minutos extra devido ao trânsito. Ao final do dia, uma deslocação de 30 minutos vai demorar mais 22 minutos, por causa das filas.

Estas são as conclusões de um estudo realizado pela empresa de sistemas de navegação Tomtom.
O estudo permite concluir que o trânsito na cidade de Lisboa é mais intenso ao final da tarde (72%) do que de manhã (66%).

O melhor dia para circular de manhã durante os dias úteis é à sexta-feira, com os piores a serem terça-feira e quinta-feira. Ao final do dia, o dia com menos trânsito é a terça-feira, enquanto sexta-feira regista mais automóveis na estrada.

Lisboa surge na 77ª posição a nível mundial em termos de trânsito, mantendo a mesma posição face ao ano anterior.

A cidade com pior registo a nível mundial é Mumbai na Índia, onde o nível de congestão atinge os 65%. Segue-se Bogotá na Colômbia (63%) e Lima no Peru (58%). Entre as 403 cidades do ranking, Greensboro-High Point nos Estados Unidos (9%) e Cádis em Espanha (9%) são as cidades com menos trânsito.

Analisando o trânsito 24 horas por dia, sete dias por semana, a capital portuguesa conta com uma percentagem de 32% de trânsito.

O melhor dia para circular em Lisboa é 5 de agosto, com uma média de trânsito de 9%. Já o pior dia para andar na estrada é 31 de outubro, com 77% de trânsito.

Seis dias perdidos por ano no Porto
Já o Porto surge na 121ª posição deste ranking, registando menos trânsito face a Lisboa, com uma taxa de trânsito de 28%, mais 1% face ao ano anterior.

Os portugueses perdem um total de 38 minutos no trânsito todos os dias: 18 minutos de manhã, numa deslocação de 30 minutos; 20 minutos à tarde, por uma deslocação de 30 minutos.

Por semana, são mais de três horas perdidas. Por mês, o tempo perdido atinge quase 13 horas. Ao final do ano, o tempo perdido no trânsito atinge os 6 dias.

Na cidade invicta, o trânsito é mais intenso ao final do dia (65%) face à manhã (59%).

O melhor dia para conduzir foi o 25 de dezembro (dia de Natal), com uma intensidade de trânsito de 6%. O pior dia para conduzir no Porto foi o dia 14 de fevereiro, com uma taxa de 57%.

Ler mais
Recomendadas

Conservar alimentos no congelador: Dicas para bem comprar e congelar

Não se esqueça que para congelar alimentos o equipamento terá de apresentar quatro estrelas. Os congeladores de três servem apenas para conservar os produtos comprados já congelados.

A preparar as férias? Estes são os seguros de saúde que tem de ter em dia para ir descansado

O Doutor Finanças sublinha que o seguro de viagem “tem como intuito proteger a pessoa individual ou coletiva em momentos de deslocação”, podendo existir várias coberturas “consoante a companhia que disponibiliza o serviço”.

Já recebeu o reembolso do IRS? Saiba como rentabilizá-lo

Depositar o dinheiro, Planos Poupança Reforma ou certificados de dívida pública? Existem várias opções para quem quer colocar o reembolso do IRS a render.
Comentários