Lucros da Galp animam PSI 20 que abriu em alta

O principal índice bolsista português soma 0,19%, para 5.100,90 pontos, impulsionada pela subida da petrolífera.

A petrolífera portuguesa anunciou esta segunda-feira, antes da abertura do mercado, que vai aumentar os dividendos a pagar aos acionistas pelo segundo ano consecutivo, segundo os resultados referentes a 2018 onde se registaram lucros.

“A proposta de dividendo a apresentar na assembleia geral de acionistas relativo ao ano fiscal de 2018 é de 0,63 euros por ação, um aumento de 15% em relação ao ano anterior”, lê-se no comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

A empresa liderada por Carlos Gomes da Silva pagou em setembro de 2018 0,275 euros por ação através do habitual dividendo intercalar, mas se o valor global de 0,63 euros for aprovado, os acionistas vão receber no segundo trimestre os remanescentes 0,355 euros.

Assim, a Galp Energia soma  0,56%, para 13,46 euros, quando o mercado petrolífero regista quebras. Em Londres, o Brent, que é referência para Portugal, cai 0,53%, para 61,77 dólares, enquanto o WTI, negociado em Nova Iorque, afunda 1,14%, para 52,12 dólares.

As empresas cotadas Pharol (1,99%), BCP (0,70%), e Navigator (0,62%) ajudam a animar o PSI 20.

Em contraciclo, as desvalorizações da EDP Renováveis, Ibersol, Sonae Capital e Jerónimo Martins não invertem a tendência da praça nacional.

Entre as restantes principais praças europeias, o sentimento é positivo. Ainda assim, de acordo com o Diário da Bolsa, os investidores estão atentos ao próximo passo nas negociações entre Estados Unidos e China para terminar com a Guerra Comercial, bem como à possibilidade de esta semana ocorrer uma nova paralisação da administração federal norte-americana, vulgo shutdown, uma  vez que repulbicanos e democratas ainda não chegaram a um consenso. Em risco estará o funcionamento de nove departamentos federais e agências deverão voltar a fechar a partir de sexta-feira, se ambos os partidos não chegarem a um acordo sobre o financiamento da segurança na fronteira do país.

 

[Dados das 08h19]

Galp propõe aumento do dividendo em 15% para 63 cêntimos

 

 

 

Ler mais
Relacionadas

Galp propõe aumento do dividendo em 15% para 63 cêntimos

Os acionistas da companhia voltam assim a ver a sua remuneração subir, depois do aumento de 10% para 55 cêntimos por ação anunciado no ano passado.

Lucros da Galp sobem 23% para 707 milhões de euros em 2018

A companhia aumentou os lucros em 2018 à boleia do aumento da produção de petróleo e de gás natural no Brasil e também em Angola, e também pela subida dos preços nos mercados internacionais.
Recomendadas

PSI20 negoceia no verde impulsionado pela Jerónimo Martins contrariando maré vermelha europeia

O principal índice da bolsa de Lisboa, o PSI 20, regista esta sexta-feira uma subida de 0,81% para 5.395,34 pontos, em contraciclo com as bolsas europeias que negoceiam todas no vermelho.

Dados robustos põem Wall Street em máximos

Na Europa, as bolsas recuperam após os agentes económicos terem antecipado o novo envelope financeiro que o BCE vai apresentar em junho.

Wall Street sem tendência definida. Dona do ‘post-it’ afundou cerca de 13% e arrastou o Dow

No setor industrial, destaque para o tombo de 12,95% da 3M, a empresa que inventou e comercializa os ‘post-it’, o que teve um impacto negativo de 0,4% no Dow.
Comentários