Madeira: JPP convida população a discutir o Ferry

“O ferry é um transporte viável para introduzir concorrência no preço dos fretes do transporte contentorizado, e ao contrário do que têm afirmado alguns players, se tal não fosse, por que razão o PSD/CDS colocou este transporte no rol das promessas eleitorais”, questionou Élvio Sousa.

Na atividade política desta sexta-feira, 22 de outubro, o líder parlamentar do Juntos pelo Povo (JPP), Élvio Sousa, convidou a população para as jornadas do partido, subordinadas ao tema “Ferry e Continuidade Territorial”, que vão decorrer no próximo dia 13 de novembro, no Funchal.

“A continuidade territorial e o direito a ter um transporte alternativo ao meio aéreo são as diretrizes que norteiam estas jornadas”, frisou.

Para além das associações representativas da sociedade e outras individualidades, o JPP vai convidar também para o evento economistas que estudaram a operação Ferry, o presidente do Governo Regional da Madeira e o próprio Governo da República, segundo informações do presidente do Grupo Parlamentar.

“Por ser uma aspiração das populações e uma promessa eleitoral de sucessivos intervenientes políticos, e, até à data, com sucessivos recuos, nós não podemos deixar que os compromissos feitos pelos eleitos aos eleitores caiam em saco roto, e não sejam cumpridos”, referiu o deputado.

“Quando a Autoridade da Concorrência, numa decisão de 2015, afirmou que existe verticalização do transporte de mercadorias na Região Autónoma da Madeira (integração vertical), um aspeto que não favorece a concorrência num setor vital para a economia regional, é por demais evidente que, tendo a operação ferry representado 10% do transporte mercadorias na Região, sem apoios operacionais e sem isenção de taxas, a economia insular agradece este serviço”, destacou Élvio Sousa.

“O ferry é um transporte viável para introduzir concorrência no preço dos fretes do transporte contentorizado, e ao contrário do que têm afirmado alguns players, se tal não fosse, por que razão o PSD/CDS colocou este transporte no rol das promessas eleitorais”, questionou Élvio Sousa, por fim.

Recomendadas

Madeira: Governo Regional atribui 63 mil euros para financiamento de equipamento social de Unidade de Alzheimer

A Unidade de Alzheimer comporta uma Unidade de Internamento com 18 camas e ainda uma Unidade de Dia/Centro Especializado com capacidade para 45 utentes.

Funchal: Coligação Confiança defende implementação do Plano Municipal da Juventude

Este documento estratégico para a juventude do Funchal contou com a participação de mais de 30 associações, recolhendo contributos de cerce de 1.500 jovens, e contempla medidas como o Gabinete da Juventude, Plano Municipal de Formação para Jovens, Bolsa de Voluntariado Jovem e Casa das Associações.

Madeira: JPP acusa Governo Regional e maioria de impedirem fiscalização parlamentar

“O que teme o PSD e o CDS em ouvir as entidades reguladoras em Portugal que têm uma palavra a dizer sobre o custo de vida”, questionou o líder parlamentar.
Comentários