Máquina multibanco deitou notas sem parar e fez sensação em Londres

Os passageiros da estação de Bond Street ficaram estupefactos com a quantidade de notas que saíam da máquina, uma vez que esta deitava dinheiro de forma contínua.

Uma máquina de multibanco de Bitcoins começou a deitar notas sem parar numa estação de metro londrina. Aparentemente, a caixa multibanco começou a ter problemas após um cidadão fazer um pedido que englobava uma quantia elevada.

Os passageiros da estação de Bond Street ficaram estupefactos com a quantidade de notas que saíam da máquina, uma vez que esta deitava dinheiro de forma contínua. Após se aperceber da situação, um segurança agiu de forma rápida e protegeu o cidadão e o dinheiro que este levantava.

Apesar de não se saber a origem do vídeo, este foi partilhado pela imprensa brasileira e mostra o cidadão a colocar o dinheiro dentro de uma mochila, que também já se encontra cheia de notas. Adam Gramowski, chefe executivo da Bitcoin Technologies, garantiu ao ‘The Sun’ que o cliente em questão não foi cuidadoso, uma vez que as máquinas suportam grandes transações.

Recomendadas

Oficial: Benfica analisa proposta de 126 milhões por João Félix do Atlético de Madrid

Segundo a SAD benfiquista, o “valor proposto acima da cláusula de rescisão contempla o custo financeiro indexado ao pagamento a prestações previsto nesta proposta”. O jovem avançado do Benfica tem uma cláusula de 120 milhões de euros.

Aprovada entrega da casa aos bancos para saldar dívida no crédito à habitação

“É admitida a dação em cumprimento da dívida, extinguindo as obrigações do devedor independentemente do valor atribuído ao imóvel para esse efeito, desde que tal esteja contratualmente estabelecido, cabendo à instituição de crédito prestar essa informação antes da celebração do contrato”, lê-se na proposta do PS, que consta do projeto para a Lei de Bases da Habitação.

Aprovada entrega da casa aos bancos para saldar dívida no crédito à habitação

A proposta do PS para que seja admitida a entrega da casa às instituições bancárias para extinguir a dívida no crédito à habitação foi hoje aprovada, com o apoio de PSD, PCP e BE e a abstenção de CDS-PP.
Comentários