Martins da Cruz: “Tenho pena do que estão a fazer ao PSD”

“Tenho pena do que estão” a fazer ao PSD e “não tenho paciência para pacóvios”, declarou o diplomata esta sexta-feira ao DN. Embaixador e ex-ministro sai do PSD em protesto contra a direção de Rui Rio.

O embaixador António Martins da Cruz enviou ao PSD uma carta em que deixa de ser filiado no partido liderado por Rui Rio. O Diário de Notícias online cita a carta que foi escrita com uma linguagem hostil a Rui Rio.

Tenho pena do que estão” a fazer ao PSD e “não tenho paciência para pacóvios”, declarou o diplomata, citado pelo DN

“Não me revejo no que andam a dizer ou a fazer”, diz  o antigo ministro dos Negócios Estrangeiros, que apoiou Pedro Santana Lopes na campanha para as eleições diretas de janeiro deste ano no PSD.

Questionado pelo jornal sobre se vai aderir ao partido que está a ser criado por Santana Lopes, de quem é amigo desde 1981, Martins da Cruz foi taxativo: “Não tomei nenhuma decisão e não tem nada a ver uma coisa com a outra.”

“Não tenho segundas intenções”, disse.

Recomendadas

Governo estuda emissão de obrigações para empresas industriais

O Governo está a estudar lançar emissões de obrigações agrupadas para vários setores, nomeadamente o industrial, depois de anunciar hoje uma operação destinada a empresas de turismo, de acordo com o ministro Adjunto e da Economia.

Manifesto X de Pedro Duarte quer índice de “Felicidade Interna Bruta” a medir desenvolvimento nacional

Medida conta na lista de 100 propostas apresentadas esta segunda-feira pelo social-democrata Pedro Duarte, crítico da liderança de Rui Rio, para a construção de uma sociedade “de bem-estar e felicidade”, mais justa, inclusiva e ecologicamente sustentável.

Cabral dos Santos diz que “o grande problema da Investifino foi ter investido no BCP”

Os empréstimos à Investifino deram perdas à Caixa de 564 milhões, mesmo com uma reestruturação do crédito em 2009. Estas operações foram contratadas entre 2006 e 2007. E tinham como colaterais ações da Cimpor, BCP e Soares da Costa.
Comentários