Militar da delegação de Jair Bolsonaro detido em Espanha com 39 quilos de droga

Jair Bolsonaro já reagiu declarando que “imediata colaboração” com as autoridades espanholas e garantindo que o militar vai ser “julgado e condenado” se o crime for comprovado.

As autoridades espanholas detiveram, esta terça-feira, um militar que integrava a delegação de Jair Bolsonaro para a cimeira do G20, no Japão, por posse de droga.

Segundo a TVE espanhola, que cita um porta-voz da Guardia Civil, o homem de 38 anos fazia parte do corpo de segurança do Executivo do Brasil quando foi intercetado pela segurança do aeroporto com 39 quilos de cocaína, distribuídos por 37 embalagens.

As autoridades espanholas avançam que a detenção ocorreu, no aeroporto da região da Andaluzia e que amanhã, 27 de junho, o sargento irá ser apresentado a um juiz.

De acordo com a imprensa brasileira, a detenção obrigou o Governo brasileiro a mudar a escala do avião do Presidente, que deveria ser feita também em Sevilha, para Lisboa.

Na rede social Twitter, o Presidente brasileiro expressou disponibilidade para colaborar com as autoridades espanholas e vontade em esclarecer detenção de militar da sua comitiva.

Ler mais
Recomendadas

Governo britânico forçado a pedir adiamento do Brexit até ser regulamentado acordo

A Câmara dos Comuns votou este sábado a favor de uma proposta que força o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, a pedir um adiamento do Brexit até ser aprovada no parlamento britânico a legislação que regulamente o acordo de saída.

Bolsonaro inicia visita de dez dias para reforçar laços comerciais na Ásia e Médio Oriente

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, inicia este sábado uma viagem de dez dias para reforçar laços comerciais com parceiros da Ásia de Leste e do Médio Oriente.

Brexit: Theresa May apela ao voto no acordo negociado por Boris Johnson

A antiga primeira-ministra britânica Theresa May apelou hoje ao voto no acordo para o ‘Brexit’ negociado pelo sucessor, Boris Johnson, alegando que está em causa o interesse nacional.
Comentários