Militares pagam rendas de 200 euros por casas T6

Segundo o JN, dos militares que beneficiam de rendas especiais (em apartamentos T0 a T6) 511 recebem um salário ou uma pensão de 1.200 a 2.000 euros e 324 recebem mais de 2.000 euros.

Cristina Bernardo

A maioria das 1.152 casas do Instituto de Ação Social das Forças Armadas (IASFA), destinadas aos militares, tem rendas inferiores a 200 euros e está nas mãos de profissionais que ganham mais de 1.200 euros mensais, revela o “Jornal de Notícias” (JN) esta quarta-feira.

Segundo o JN, dos militares que beneficiam de rendas especiais (em apartamentos T0 a T6), 511 recebem um salário ou uma pensão de 1.200 a 2.000 euros, e 324 recebem mais de 2.000 euros.

O Ministério da Defesa – que defende apoiar os militares “com maior vulnerabilidade económica – enviou às associações da área um projeto de decreto-lei para condicionar a atribuição de habitações sociais, de acordo com o mesmo jornal.

Para Luís Reis, presidente da Associação de Praças, o regime em vigor “não faz sentido”, porque “permite que as pessoas se perpetuem nas casas, independentemente do seu rendimento”, o que faz com que não haja fogos “para quem tem mais dificuldades”.

Relacionadas

Governo impõe novas regras nas casas para militares para impedir subarrendamento a turistas

Em entrevista ao “Público”, o ministro da Defesa afirma que “vai ter conversas aprofundadas” com todos os partidos que não recusaram a nova Lei de Programação Militar para reunir consensos.
Recomendadas

Confiança dos consumidores volta a aumentar em junho

O saldo das expectativas relativas à evolução da situação económica do país aumentou em junho, após ter diminuído ligeiramente no mês precedente, revela esta quinta-feira o INE.

Enfermeiros também vão estar em greve na próxima semana

A greve geral foi convocada pelo Sindepor e está agendada a partir de terça-feira.

Trump responde a capitã da seleção feminina de futebol: “Agora estou a convidar a equipa, ganhe ou perca”

“Sou um grande fã da equipa americana, e de futebol feminino, mas Megan [Rapinoe] deve ganhar primeiro antes de falar”, acusa o presidente dos EUA.
Comentários