Millennium bcp lança M Contabilidade

O BCP lançou o M Contabilidade, uma plataforma inovadora que facilita o dia-a-dia de Empresários e Contabilistas, que liga de forma digital o site Millennium Empresas ao TOConline.

Cristina Bernardo

O Millennium bcp lançou hoje o M Contabilidade, o primeiro serviço de integração na nova era do “Open Banking” (PSD2) que liga de forma digital o site Millennium Empresas ao TOConline, plataforma da Ordem dos Contabilistas Certificados, desenvolvida pela fintech Cloudware, para apoio aos Contabilistas.

O Empresário passa a poder acompanhar a evolução de receitas e despesas da sua Empresa no site do Banco, a efetuar o pagamento automático de salários, impostos e fornecedores, preparados pelo seu Contabilista, com esta plataforma.

O Contabilista, para todos os seus Clientes com conta no Millennium bcp, passa a aceder diariamente e de forma automática ao extrato dos seus clientes, podendo efetuar a pesquisa simplificada de movimentos bem como a reconciliação automática de todas as operações com origem no TOConline, explica o BCP.

“Atualmente, privilegiam-se processos cada vez mais automáticos, económicos e eficientes, e o novo serviço M Contabilidade vem dar resposta a esta necessidade ao permitir que Empresas e Contabilistas partilhem informação bancária de forma segura”, diz o banco.

Recomendadas

Caixa Geral está a vender Mercedes para atingir metas da recapitalização

Campanha de crédito “imbatível” está a chegar por email a clientes. Banco justifica com metas “extremamente exigentes”. E diz que não está a promover o endividamento, pois clientes acederiam na mesma a outras opções de financiamento do mercado.

PremiumCTT injetam 100 milhões no banco para comprar 321 Crédito

BCE autorizou aquisição porque os CTT garantiram aumento de capital. Na AG, 44% do capital presente, incluindo o maior acionista Champalimaud, recusou menção de louvor à gestão de Lacerda.

PremiumCGD está a vender Mercedes para atingir metas da recapitalização

Campanha de crédito “imbatível” está a chegar por email a clientes. Banco justifica com metas “extremamente exigentes”. E diz que não está a promover o endividamento, pois clientes acederiam na mesma a outras opções de financiamento do mercado.
Comentários