Ministro das Finanças cabo-verdiano vai à ilha do Sal para ouvir preocupações das empresas privadas

O ainda vice primeiro-ministro, Olavo Correia, pretende com esta visita uma cada vez mais abertura do Estado, no sentido de criar o “melhor cenário possível”, ao sector privado, desde impostos, financiamento e fiscalização.

O vice primeiro-ministro de Cabo Verde, Olavo Correia, chega esta sexta-feira ao Sal, para uma visita de trabalho de 24 horas, onde privilegia o sector privado, abrangendo, nomeadamente o turismo e restauração, construção civil e transportes.

Segundo comunicado a que Inforpress teve acesso, o vice primeiro-ministro e titular da pasta das Finanças, pretende com esta visita uma cada vez mais abertura do Estado, no sentido de criar o “melhor cenário possível”, ao sector privado, desde impostos, financiamento, bem como a fiscalização.

Nesta base, considerando que o Governo definiu o sector privado como motor do desenvolvimento de Cabo Verde, estas visitas, refere o documento, têm como objectivo essencial auscultar os operadores das diferentes áreas, conhecer as suas principais preocupações, de forma a permitir o executivo intervir e tomar “medidas acertadas”, visando impulsionar a dinâmica de crescimento da economia nacional.

Daí que nessa sua deslocação, Olavo Correia deverá contactar no terreno várias empresas sediadas na ilha, designadamente Mendes e Mendes; Luz Car; CFS; Socol; SGL; Restaurante Américos; Global África – Empresa de transporte turístico; Residencial Nha Terra; Santa Maria Beach; Motorin Hotel, e o Hotel Odjo d´Agua.

Recomendadas

Cerimónia fúnebre de Dom Paulino Évora reúne centenas de pessoas na Praia

A ilha de Santiago disse adeus ao primeiro bispo de Cabo Verde. Dom Paulino Évora foi ordenado sacerdote em Portugal em 1962.

Jogos Africanos de Praia fazem de Cabo Verde destino desportivo

“Esta aposta vale a pena porque está dentro da estratégia de tornar Cabo Verde num país relevante no mundo de organizações de eventos desportivos”, disse o ministro do Desporto cabo-verdiano.

Empresas privadas com “expectativas enormes” sobre fórum de investimento em Cabo Verde

O Cabo Verde Investment Forum está agendado para os próximos dias 1, 2 e 3 de julho. “A questão do financiamento continua a ser um dos grandes desafios para o sector privado nacional”, disse o secretário-geral da Câmara de Comércio de Sotavento.
Comentários