Mudança nas regras do IMI sobe imposto sobre as casas

O maior impacto desta revisão vai ser sentido na grande Lisboa, no grande Porto e no Algarve, precisamente nas regiões onde os preços do imobiliário têm vindo a subir de forma assinalável desde 2015.

A Autoridade Tributária e Aduaneira vai rever o Coeficiente de Localização (CL) do Imposto Municipal Sobre Imóveis (IMI) até ao final do mês de agosto para entrar em vigor em janeiro de 2020.

Este fator é o que mais contribui para o agravamento do IMI, e o fisco quer equiparar o valor patrimonial tributário (VPT) das casas, sobre o qual incide o cálculo do IMI, a 85% do preço médio de mercado dos imóveis em cada zona, avança o Correio da Manhã esta segunda-feira, apontando que esta revisão vai obrigar os proprietários a pagarem mais IMI.

O maior impacto desta revisão vai ser sentido na grande Lisboa, no grande Porto e no Algarve, precisamente nas regiões onde os preços do imobiliário têm vindo a subir de forma assinalável desde 2015.

O IMI é a principal fonte de receita dos municípios, e renderam 423 milhões de euros só em 2017, no total de 8,2 milhões de imóveis urbanos que pagam IMI.

Os peritos imobiliários que vão fazer esta atualização estão atualmente em formação e vão para o terreno no mês de maio.

Recomendadas

Bancos dão ordem para executar totalidade da Coleção Berardo

CGD, BCP e Novo Banco deram à execução penhores sobre 100% dos títulos de participação dados como garantia de créditos de mais de 900 milhões.

ASAE apanha talhos a vender carne falsificada e estragada

As principais infrações registadas foram o abate clandestino, a venda de produtos alimentares estragados ou falsificados e a fraude sobre mercadorias, tanto em talhos de rua como em superfícies comerciais.

Caixa Geral concedeu crédito de 125 milhões a Isabel dos Santos sem avaliar situação financeira

Caixa concedeu crédito sem avaliar a situação financeira da empresário. Crédito foi criticado pelo Banco de Portugal. Banco era liderado por Fernando Faria de Oliveira em 2009. Fonte próxima da empresária disse que o “crédito está em dia e grande parte já foi amortizado”.
Comentários