“Não anuncie uma decisão que torne um diálogo impossível”: O apelo de Tusk a Puigdemont

Donald Tusk dirigiu-se ao presidente do Governo catalão, Carles Puigdemont, na primeira declaração sobre a situação na região, mas também a Mariano Rajoy.

Reuters

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, apelou hoje a que o governo da Catalunha retroceda na intenção de declarar a independência da região.

“Eu apelo a si… como membro de uma minoria étnica e regionalista. Como um homem que sabe o que é ser atingido por um bastão policial, como alguém que entende e sente os argumentos e as emoções de todos os lados “, disse Tusk, citado pelo Financial Times, dirigindo-se ao presidente do Governo catalão, Carles Puigdemont, na primeira declaração sobre a situação na região.

Tusk pediu a que Puigdemont respeite a “ordem constitucional e não anuncie uma decisão que torne um diálogo impossível”.

Mas também ao líder do Governo espanhol, Mariano Rajoy: “procure uma solução sem o uso da força. A força do argumento é sempre melhor do que o argumento da força “.

Relacionadas
Generalitat acusa Madrid de estar a asfixiar a economia catalã
Em conferência de imprensa, o porta-voz do Governo regional garante que tem “plena confiança” na economia catalã e que esta terça-feira será um “dia histórico”.
Dia D na catalunha. Puigdemont garante que vai declarar a independência
Apesar de o Tribunal Constitucional considerar essa consulta popular ilegal, mais de 90% dos catalães votaram a favor do ‘sim’ no referendo e Carles Puigdemont diz estar empenhado em fazer cumprir a “voz do povo”.
Rajoy garante ter “mão firme e sem complexos contra a independência” da Catalunha
Porta-voz do Partido Popular comparou Puigdemont com Lluís Companys, que declarou a independência da Catalunha, foi preso e fuzilado.
França recusa reconhecer independência da Catalunha
A posição foi transmitida esta segunda-feira pela ministra dos Assuntos Europeus francesa, Nathalie Loiseau.
Governo espanhol pondera aplicar Artigo 155 se houver declaração de independência unilateral
Soraya Sáenz de Santamaría, vice-presidente do Governo espanhol, confirmou que o Governo espanhol pondera seriamente aplicar o Artigo 155 da Constituição caso Puidgemont declare unilateralmente a independência. A ANC já tornou claro o seu apoio à declaração, publicando um vídeo no Twitter.
Independências. Cinco movimentos separatistas a ter em conta
Não é só na Catalunha que se vive o sonho independentista. De entre os mais de 50 movimentos do género atualmente ativos em todo o mundo, a Bloomberg sugere cinco que devemos ter ‘debaixo de olho’.
Recomendadas
Respostas Rápidas: Que produtos foram afetados pelas tarifas dos EUA à China?
Em que ponto está a guerra comercial? Qual a lista de produtos impactados? Como reagiu a China? O que dizem os analistas? Segundo os cálculos do instituto alemão Ifo, estas tarifas irão travar o crescimento da China em 0,1 a 0,2 pontos percentuais e colocar a Europa numa posição mais forte.
Kim Jong-un diz que cimeira com Donald Trump estabilizou a segurança regional
O líder da Coreia do Norte enalteceu hoje a cimeira realizada com Donald Trump, presidente dos EUA, na medida em que estabilizou a segurança regional. Jong-un também disse que espera obter mais progressos na próxima cimeira inter-coreana.
China retalia Estados Unidos com tarifas de 60 mil milhões de dólares
A decisão surge horas depois de a Casa Branca dizer que os Estados Unidos da América iriam impor taxas alfandegárias às importações chinesas no valor de 200 mil milhões de dólares (aproximadamente 171 mil milhões de euros).
Comentários