‘Nova’ Praça de Espanha vai custar seis milhões de euros

Projeto foi apresentado esta segunda-feira e terá um prazo de 10 meses para a execução da obra, além de mais um ano para a manutenção dos espaços verdes.

A requalificação da Praça de Espanha, em Lisboa, irá custar seis milhões de euros. Este é o valor base da proposta que foi apresentada na manhã desta segunda-feira, na Fundação Calouste Gulbenkian.

Dos nove projetos que concorreram para as obras da ‘nova’ Praça de Espanha, a escolha acabou por recair no atelier NPK – Arquitectos Paisagísticos Associados com “Os Caminhos da Água” que pretende “recuperar o riacho do Pêgo, a Praça Central e a Praça da Água, bem como a criação um espaço contínuo que ligará a Avenida Duque d’ Avila, o Jardim da Gulbenkian até à Praça de Espanha”.

Praça de Espanha

Com a transformação do nó rodoviário da Praça de Espanha, Lisboa vai ganhar um novo parque verde, maior do que o Jardim da Estrela, e ligações rodoviárias mais simples e rápidas. Conheça aqui o que vai mudar.#Lisboa #pracadeespanha ##EGCA2020

Posted by Fernando Medina on Monday, 11 February 2019

Esta proposta prevê também a reconfiguração viária daquele espaço deixando de existir a atual rotunda onde se encontra o Arco de São Bento.

O parque terá “um número muito significativo de árvores”, zonas de “clareiras de fruição”, parques infantis, esplanadas, quiosques e a “recuperação da água como elemento central” afirmou o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, referindo que este projeto vai “permitir uma melhor vivência para todas aqueles pessoas que vão poder atravessar a pé a Praça de Espanha, utilizando uma ponte pedonal” que a ligará à Fundação Calouste Gulbenkian.

A presidente da Fundação Calouste Gulbenkian, Isabel Mota, anunciou também que será lançado “em breve um concurso de ideias para a extensão do Parque Gulbenkian para o seu vértice sul”, que deverá estar concluída “pouco tempo depois do Parque Urbano da Praça de Espanha”.

Recomendadas

Stratolaunch. O maior avião do mundo já fez o primeiro voo

O Stratolaunch foi projetado como uma alternativa mais barata do que os foguetes para levar satélites até à órbita. Fez o seu primeiro voo este mês no deserto do Mojave nos Estados Unidos.

Hoje há ‘Jogo Económico’. Qual o segredo do sucesso do andebol português?

Nesta edição, que poderá ser vista no site do ‘Jornal Económico’ e nas redes sociais esta sexta-feira às 20h00, Miguel Laranjeiro, presidente da Federação Portuguesa de Andebol, vem ao programa para debater o estado do andebol português com os comentadores João Marcelino e Leonardo Ralha.

“Mercados em Ação”: Veja aqui o programa desta semana

Acompanhe o “Mercados em Ação” em direto às 21h00, no site e nas redes sociais do Jornal Económico. E reveja-o através da plataforma multimédia JE TV.
Comentários