O compromisso da ManageEngine: gestão de IT simples e segura

Esta é uma das três marcas da ZOHO Corporation. Cria soluções para uma integração fácil e rápida de infraestruturas IT, e tem na Europa o seu segundo melhor mercado.

A integração destes sistemas é, por norma, difícil para muitas empresas, acabando por ter de contratar especialistas para o fazer.

A diferença das soluções da ManageEngine está precisamente aí. São “fora da caixa”, como as define Sridhar Iyengar, Diretor de Operações da Zoho Corporation na Europa.

Além de intuitivos, os produtos IT da empresa, apresentam integração de fabrico e funcionam de forma a que não seja necessária a intervenção de terceiros.

No entanto, na eventualidade de ser necessária assistência, o apoio técnico é disponibilizado pela ManageEngine e outros parceiros de vendas, como a IREO. Os clientes podem ainda utilizar plataformas digitais para contacto direto.

O mercado de software de gestão IT está avaliado em cerca de 1 bilião de dólares. A ZOHO quis aproximar-se dos clientes europeus e deste mercado crescente, para melhor compreender as suas necessidades e servi-los melhor.

“Até há pouco tempo, contávamos com os nossos distribuidores para nos representar na Europa, mas agora já temos escritório na Holanda.” – revela Sridhar Iyengar.

Os produtos de gestão, operações, segurança e endpoint, são usados nos sectores automóvel, da saúde, governamental, financeiro e outros.

Por falar em segurança, um dos principais investimentos da corporação, é nesse campo. A segurança da gestão de browser, da cloud, da password e de toda a informação, é parte integrante dos produtos oferecidos.

Aliás, a monitorização da cloud e das aplicações usadas na cloud também pode ficar a cargo deste fornecedor.

Por exemplo, a Zoho.com, também sob alçada da corporação, tem mais de 40 milhões de usuários para aplicações de negócio online. A gestão de infraestrutura de cloud é feita por quem? Pela ManageEngine, marca associada.

As vantagens de ter três marcas dentro de um só, é encontrar diferentes serviços, soluções e aplicações que não andam distantes. Pelo contrário, todos eles comunicam entre si.

Tudo isto significa mais confiança e maior produtividade para os clientes.

 

Ler mais
Recomendadas

“Praia, comida e vinho ajudaram”. O que dizem os estrangeiros que montam negócios em Portugal

A próxima edição do “Launch in Lisbon”, organizado pela incubadora Startup Lisboa para ajudar empreendedores e freelancers estrangeiros que pretendam instalar um negócio em Portugal, realiza-se entre os dias 4 e 8 de março. O Jornal Económico falou com Jeferson Valadares e Wendy van Leeuwen, que já se renderam à capital portuguesa.

Desigualdade de género no mercado laboral da América Latina mantém-se

O estudo “Panorama Social de América Latina 2018”, elaborado pela Comissão Económica para a América Latina e Caraíbas (Cepal), concluiu que, em 2016, a taxa de desemprego urbano era de 10,4% entre mulheres e de 7,6% entre homens nesta região.

Todos os dias cinco portugueses tornam-se britânicos

Entre janeiro de 2017 e setembro de 2018, 2.655 emigrantes no Reino Unido obtiveram cidadania britânica, mais do que o total de autorizações dadas nos cinco anos anteriores.
Comentários