Os dinossauros da política mundial

A limitação de mandatos tem como propósito evitar abusos de poder e garantir a rotatividade governativa para o bom funcionamento da democracia.

Mas nem todos os presidentes estão dispostos a cumprir com este princípio. Da América Latina às ex-repúblicas soviéticas, passando pelo continente africano, multiplicam-se os casos de presidentes que fizeram e desfizeram leis constitucionais com um único propósito: somar mais uns anos de liderança aos que até então a lei lhes permitia. A prática serve de precedente para outros dirigentes políticos e já há vários candidatos a fazer o mesmo. Há ainda casos em que a própria Constituição não estipula um limite de anos a que os presidentes estão sujeitos, o que, por norma, leva aos mandatos vitalícios.

Recomendadas

Barómetro dos mercados a meio da semana

A taxa da obrigações portuguesas a 10 anos desceu com a subida do ‘outlook’ pela S&P e o PSI 20 registou quatro ganhos em cinco sessões. No mercado petrolífero, o Brent permanece perto dos 80 dólares por barril.

Jornal Económico: dois anos de crescimento

O Jornal Económico nasceu a 16 de setembro de 2016. Desde então, transformou-se numa marca de informação multiplataforma, presente nos suportes papel, online e multimédia. Sempre com o objetivo de melhor servir os seus leitores. Conheça as principais etapas do percurso do JE, que é hoje o jornal de economia e finanças com mais audiência em Portugal. Obrigado pela sua confiança e preferência!

Angola: cronologia de uma fase atribulada nas relações luso-angolanas

O primeiro-ministro, António Costa, visita Angola pela primeira vez depois da tensão diplomática entre os dois países, com o processo que envolve o antigo vice-presidente angolano Manuel Vicente. Ultrapassado o “irritante”, testa-se uma nova fase das relações.
Comentários