Paula Cabaço chamada ao parlamento pelo PS para esclarecer iluminação de natal e fim-de-ano

O PS afirma que que a Secretaria Regional do Turismo e Cultura deveria ter acautelado todos os mecanismo para que não voltassem a acontecer atrasos na instalação das luzes.

O PS vai chamar a secretária regional do Turismo e Cultura, Paula Cabaço, à Assembleia Regional para esclarecer o diferendo relativo à iluminação de natal e fim-de-ano.

“Verifica-se, pois, que o Governo Regional está, novamente, numa corrida contra o tempo, quando, como referido, no ano passado assistimos ao atraso no processo de colocação das iluminações de Natal e Fim de Ano”, alertam os socialistas.

Para o líder parlamentar do PS Madeira, Victor Freitas, o problema da iluminação continua a persistir acrescentando que a secretaria regional, tutelada por Paula Cabaço, “deveria ter acautelado todos os mecanismos” para que não voltassem a ocorrer atrasos neste processo.

Nesse sentido o PS considera urgente ouvir a governante relativamente às consequências de um possível atraso nas instalação da iluminação de natal e fim-de-ano na imagem do destino Madeira.

Relacionadas

Madeira: Ação em tribunal mantém iluminação de natal e fim-de-ano em suspenso

Esta acção vem da empresa que ficou em segundo lugar no procedimento de ajuste directo referente ao contacto de iluminação de natal e fim-de-ano da Madeira.

CDS-PP considera inaceitável novo diferendo em tribunal sobre iluminações de natal e fim-de-ano

O partido diz que a suspensão do contrato para a instalação da iluminação de natal e fim-de-ano, na Madeira, cria problemas junto do comércio e do turismo.
Recomendadas

CDS quer estatuto de Ultraperiferia na União Europeia

Fernanda Cardoso, do PSD, diz que o projeto apresentado na Assembleia Legislativa da autoria do CDS, não traz “nada de novo” e que se limita a ser “um decalque” da Declaração Final da Conferência dos Presidentes das RUP, que se reuniram em novembro do ano passado.

Fundos europeus não são um “eldorado”, diz Raquel Coelho

Já José Manuel Rodrigues, diz que é inegável afirmar que “vamos continuar a precisar como de pão para a boca” dos fundos da União Europeia.

Madeira vai promover evento de moda com 10 estilistas na Festa da Flor

O evento vai realizar-se a 11 de maio na Praça do Povo e tem como objectivo desenvolver uma colecção inspirada em flores e insere-se numa estratégia de renovação e enriquecimentos dos cartazes turísticos da Madeira.
Comentários