Perdeu os seus documentos? Proteja-se e comunique ao Banco de Portugal

BdP explica que no caso de perda de documentos de identificação é importante comunicar ao regulador, a fim de evitar a utilização abusiva dos seus dados.

Cristina Bernardo

Se perdeu os seus documentos de identificação, além das autoridades policiais, comunique a informação ao Banco de Portugal (BdP) e proteja-se da utilização abusiva dos seus dados.

O BdP explica que no caso de perda de documentos como o cartão de cidadão, do cartão de contribuinte, do passaporte ou título de residência, é importante comunicar ao regulador, que irá informar gratuitamente o sistema bancário da situação.

Ou seja, desta forma, os bancos poderão ficar alerta para agir, “caso alguém tente em seu nome e utilizando os seus documentos, fazer uma operação financeira ilícita”.

Poderá notificar o BdP através do portal do cliente bancário, nos postos de atendimento do BdP ou por carta, devendo apresentar o auto ou a declaração emitida pela entidade policial à qual apresentou queixa.

“Lembre-se, quando recuperar ou tiver substituído os documentos perdidos volte a contactar o BdP. Nós notificaremos o sistema bancário dessa alteração”, salienta o regulador.

No entanto, este serviço não se destina a comunicar a perda de cartões bancários ou de cheques.

“Nestas situações, os respetivos titulares devem contactar, com a brevidade possível, a entidade emissora desses meios de pagamento. No caso dos cartões bancários, pode consultar a lista de contactos dos respetivos emissores na informação relacionada no final da página”, identifica.

 

Ler mais
Recomendadas

Prolongar um contrato de arrendamento além de 30 anos implica pagar IMT

Os arrendamentos de longa duração e não renováveis que sejam alvo de uma extensão do prazo e se prolonguem para além dos 30 anos implicam o pagamento de Imposto Municipal sobre Transações (IMT) por parte do inquilino.

Mendonça Mendes: IRS automático abrange potencial de 3,2 milhões de agregados este ano

Relativamente ao prazo médio de reembolso do IRS previsto para este ano, Mendonça Mendes disse apenas que o acerto será feito “tão depressa quanto seja possível”.

Saiba tudo sobre a TANB

Se já teve interesse em fazer um depósito a prazo, certamente que ouviu falar da TANB (Taxa Anual Nominal Bruta), mas sabia que esta taxa não reflete o montante real que vai receber em juros?
Comentários