‘Pesadelo’ fiscal na Suécia: receitas de investimento passam a ser taxadas como salários

Tribunal sueco decidiu que as receita dos investimentos devem pagar impostos como salários.

O maior fundo de private equity na região nórdica diz que uma recente decisão fiscal sueca pode ser devastadora para os investimentos no país.

Thomas von Koch, sócio-gerente da EQT AB de Estocolmo, afirma-se em estado de choque após um tribunal sueco ter decidido que as receitas dos investimentos devem pagar impostos como salários, noticia a Bloomberg. 

A decisão judicial afeta os rendimentos auferidos há uma década e pode dificultar a continuidade de algumas partes do setor no país, disse von Koch.

“As implicações para todo o sistema financeiro são imensas”, disse o diretor executivo da EQT numa entrevista, pouco depois da decisão ter sido anunciada. “Este é a maior avalanche que atingiu a indústria. Estamos chocados”. 

Recomendadas

Wall Street fecha em alta com aumento da confiança dos consumidores

No fecho da sessão, desta quarta-feira, o S&P 500 cresce 1,13%, para 2,931.38 pontos, o tecnológico Nasdaq valoriza 1,14%, para 7,755.25 pontos e o industrial Dow Jones sobe 1,22%, para 26,248.0 pontos.

Bolsas da Europa animadas e Lisboa acompanha com subida da Mota, Galp e Navigator

Os mercados europeus fecharam em alta, após um início mais prudente. “Os catalisadores desta subida foram a subida das yields e as expetativas dos investidores em relação à situação política italiana”, diz o BPI.

Wall Street abre em alta à espera das minutas da Fed

Dois exemplos de títulos em destaque na praça nova-iorquina são os da empresa de materiais de Lowe’s Companies Inc, que disparam 11,28%, para 108,91 dólares, e os da cadeia de retalho Target Corporation, que disparam 18,52%, para 101,35 dólares.
Comentários