PIB na Grécia deverá crescer 2% nos próximos 3 anos

A Comissão Europeia previu hoje uma manutenção do crescimento da Grécia para os próximos três anos, com o Produto Interno Bruto (PIB) a crescer 2,0% até 2020.

Yves Herman / Reuters

Nas previsões de outono da Comissão Europeia, Bruxelas reviu ligeiramente em alta a previsão anterior para o crescimento do PIB este ano (tinha previsto 1,9% no verão), mas baixou em três décimas as previsões que tinha para 2019, com o país a terminar o programa de assistência financeira do Mecanismo Europeu de Estabilidade e a recuperação da economia a dar frutos, embora ainda com “algumas vulnerabilidades”.

“Sustentar o ímpeto de reforma será fundamental para assegurar o investimento e convergência”, refere a Comissão Europeia, sinalizando que o emprego está a recuperar e as exportações deverão alcançar de novos os padrões históricos.

Para Bruxelas, o crescimento “sólido”, em combinação com a descida das necessidades de crédito e os excedentes orçamentais primários deverão ajudar a reduzir “significativamente” a relação dívida/PIB.

A taxa de desemprego deverá continuar a descer dos 21,5% de 2017 para os 19,6% em 2018, 18,2% em 2019 e chegar aos 16,9% em 2020.

A dívida pública também deverá baixar dos 182,5% do PIB em 2018 para 174,9% em 2019 e 167,4% em 2020 e o défice deverá manter-se nos 0,6% do PIB até 2020.

A taxa de inflação, por sua vez, deverá fixar-se em 2019 nos 1,2% (dos 0,8% de 2018) e recuar para os 1,0% em 2020.

Ler mais
Recomendadas

REN vai propor que dividendo se mantenha em 17,1 cêntimos

Para a REN, este valor, que se mantém desde 2013, está em linha com a “política de dividendos anunciada no último Capital Markets Day”.

Lucros da REN recuam 8,1% para 115,7 milhões de euros em 2018

REN anunciou redução dos lucros em 2018 e justificou a quebra com a subida da taxa de imposto.

Marcelo promulga lei da Paridade

Presidente da República indicou preferir que a alteração sobre legislação eleitoral não fosse submetida a promulgação a pouco menos de seis meses de eleição a que se aplica.
Comentários