Portugueses vão gastar pelo menos metade do subsídio de Natal

Segundo o estudo do Observador Cetelem Natal, 1/4 dos portugueses admite ter intenções de gastar metade ou mais do subsídio de Natal. Apenas 6% revela ter intenções de gastar menos de 25% desta remuneração.

Cristina Bernardo

Feita a lista de presentes é altura de saber como pretendem os portugueses efetuar os seus gastos durante a quadra do Natal. As despesas são feitas em peso em decorações, presentes, comida e para algunmatalns em viagens ou outras ofertas.

De acordo com o estudo Observador Cetelem Natal, 27% dos portugueses contam gastar metade ou mais do seu subsídio neste período, o que representa 1/4 da população. Em contrapartida, apenas 12% dos inquiridos planeia gastar entre entre 25% e 50% do seu bónus natalício e somente 6% admite querer gastar menos de 25% nesse tipo de remuneração. Por outro lado, 22% dos portugueses dizem não ter a intenção de gastar nenhuma parte do subsídio.

Relativamente aos métodos de pagamento, a análise da marca do BNP Paribas constatou que o desconto direto no preço continua a ser a oferta mais valorizada (referida por 60% dos inquiridos), enquanto o reembolso de parte de valor pago (“cashback“) é mencionado por 20% dos inquiridos e o crédito sem juros por 19%.

“A utilização do subsídio é natural numa altura como o Natal em que há uma maior predisposição para consumir, contudo é preciso ter em conta que 1/5 dos inquiridos referiu não ter a intenção de gastar nenhuma parte do subsídio, o que pode significar uma gestão orçamental mais cautelosa ou a utilização desse valor para fazer face a outras despesas”, afirma Pedro Camarinha, diretor de distribuição do Cetelem.

Relacionadas

Planeie os gastos com cuidado durante este período festivo

A DECO aconselha um planeamento cuidado dos gastos durante este período festivo, de forma a promover uma gestão ajustada do orçamento disponível e, acima de tudo, prevenir situações de endividamento excessivo.

Oferece chocolates e livros e compra em centros comerciais: assim é o português no Natal

Que presentes mais gostamos de oferecer no Natal? Ainda os compramos em centros comerciais ou já o fazemos online? Pagamos em dinheiro ou com cartão? Estudo da Deloitte traça o perfil dos portugueses na hora de ir às compras de Natal.

Vai viajar e não conhece os seus direitos? Leia os 10 mandamentos de um passageiro

Com o aproximar das férias da Páscoa, a AirHelp reuniu ‘10 mandamentos’ essenciais para quem se prepara para viajar.
Recomendadas

Amante de viagens? Vai ser possível comprar bilhetes de avião pela Amazon

A gigante do e-commerce vai começar a vender voos domésticos. Segundo os relatórios, a empresa de Jeff Bezzos já assinou parcerias com algumas companhias aéreas incluindo Vistara UK, GoAir, SpiceJet e IndiGo.

Encher um depósito de gasolina já custa mais 10 euros do que em janeiro

A partir de segunda-feira, os combustíveis ficam novamente mais caros. Aumento é maior na gasolina, tanto nas cadeias de marca branca, como nas principais gasolineiras.

Férias: Portugueses sonham com as Maldivas mas vão para Maiorca

A Europa continua a liderar os destinos mais procurados pelos portugueses, embora estes prefiram destinos com praia. Palma de Maiorca e Benidorm preenchem os dois critérios.
Comentários