PPE: Manfred Weber é o candidato à presidência da Comissão Europeia

O alemão será o candidato do Partido Popular Europeu (PPE) ao cargo de presidente da Comissão Europeia, ao ser hoje eleito, em Helsínquia, no congresso desta família política, que inclui PSD e CDS-PP.

Weber, atual líder do grupo do PPE no Parlamento Europeu, recolheu 492 votos dos delegados, contra 127 de Alexander Stubb, antigo primeiro-ministro finlandês, pelo que será o ‘spitzenkandidat’ daquela que é atualmente a maior família política europeia à sucessão de Jean-Claude Juncker.

O processo de designação do presidente do executivo comunitário entre os cabeças de lista indicados pelas famílias políticas europeias (os chamados “Spitzenkandidaten”, termo alemão que se pode traduzir por “candidatos principais”), segundo os resultados eleitorais, foi inaugurado por ocasião das anteriores eleições europeias, em 2014.

Antes, o presidente da Comissão era escolhido pelo Conselho Europeu – chefes de Estado e de Governo da União Europeia -, e posteriormente ratificado pelo PE, tendo Durão Barroso sido o último presidente do executivo comunitário (2004-2014) a ser indicado sem recurso ao método do “Spitzenkandidaten”.

Recomendadas

Barragem do Fridão: Marques Mendes diz que Governo não vai avançar com construção

O comentador revelou que o Governo vai travar o projeto, contudo falta saber como indemnizar a EDP.

Municípios têm até junho para comunicar se querem ou não descentralização de competências na educação

O Executivo de António Costa decidiu prolongar o prazo por mais dois meses, tendo agora as autarquias até 30 de junho para se pronunciarem junto da Direção-Geral das Autarquias Locais.

Relatório diz que Trump não esteve em conluio com Rússia

O relatório de William Barr, procurador dos Estados Unidos, sobre a investigação de Robert Mueller, diz que não existem evidências de que Donald Trump tenha cometido algum crime mas também não o exonera.
Comentários