Primavera chega hoje com sol e subida das temperaturas

A primavera começa esta quarta-feira com as previsões meteorológicas a apontarem para bom tempo, com céu limpo e temperaturas máximas que podem ser em algumas regiões do país acima dos 20 graus Celsius.

De acordo com o Observatório Astronómico de Lisboa, o Equinócio da primavera começa esta quarta-feira às 21:58 (hora de Lisboa) no Hemisfério Norte.

A meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), Joana Sanches, antecipa que o primeiro dia de primavera vai ser de bom tempo.

“O bom tempo vai continuar como tem estado até aqui. Está previsto céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade na região Norte e interior Centro durante a tarde e vento fraco a moderado”, disse.

Segundo Joana Sanches, as temperaturas vão oscilar entre os 13 e os 17 graus no interior e entre os 17 e os 20 no resto do país, sendo que em alguns distritos o termómetro pode subir ainda mais.

“Vamos ter também um acentuado arrefecimento noturno e formação de geada em alguns locais do interior Norte e Centro”, disse.

A meteorologista do IPMA destacou ainda que pelo menos até ao fim de semana não está prevista precipitação.

A primavera “prolonga-se por 92,789 dias até ao próximo Solstício que ocorre no dia 21 de junho às 16:54 horas. Os instantes estão referenciados à hora legal de Portugal continental e Região Autónoma da Madeira”, refere no Observatório.

Na Região Autónoma dos Açores o Equinócio da Primavera ocorre no dia 20 de março às 20:58 horas.

O equinócio, que é o instante em que o Sol, na sua órbita vista da Terra, cruza o plano do equador celeste, assinala o começo da primavera, no hemisfério norte, e do outono, no hemisfério sul. Nos equinócios, o dia e a noite duram o mesmo tempo.

Ler mais
Recomendadas

Hoje o dia é de chuva e vento. Temperaturas podem descer até aos 2 graus

O IPMA prevê no continente céu geralmente muito nublado, diminuindo de nebulosidade na região Sul a partir do início da manhã e aguaceiros, mais intensos no litoral Norte e Centro, podendo ser de granizo e acompanhados de trovoada.

Erro da Segurança Social tira anos de reforma a centenas de pescadores

Até 2011, os dias de trabalho para efeitos da pensão eram contabilizados com base nas descargas em lota (uma descarga era equivalente a três dias), mas, segundo o JN, a Segurança Social não está a cumprir a regra e só conta um dia.

Sócrates considera ministro brasileiro Moro “um ativista político disfarçado de juiz”

O antigo primeiro-ministro português referiu que o atual ministro brasileiro, enquanto juiz, validou “ilegalmente uma escuta telefónica” entre a então Presidente da República, Dilma Roussef, e o seu antecessor na chefia do Estado brasileiro, Lula da Silva.
Comentários