Primeiro Campeonato Nacional de Conjuntos junta 325 ginastas no Caniçal

Dezassete clubes de todo o país vão abrilhantar esta iniciativa da Federação Portuguesa de Ginástica em parceria com a Associação de Ginástica da Madeira.

FOTO DR

Organizado pela primeira vez na ilha da Madeira, o Campeonato Nacional de Conjuntos de Ginástica Rítmica junta, este fim de semana, 325 atletas no Caniçal.

São 17 os clubes que participam neste evento organizado pela Federação Portuguesa de Ginástica em parceria com a Associação de Ginástica da Madeira. A Madeira está representada pelos Clubes Nacional, Marítimo e Garachico com 25 atletas. As restantes ginastas representam clubes continentais.

Para sábado, a partir das 11 horas, no Pavilhão Gimnodesportivo do Caniçal estão agendadas as provas nos escalões Infantis, Iniciadas,Juniores e Seniores e as respetivas cerimónias de entrega de prémios.

No domingo, competem as Juvenis. A cerimónia de entrega de prémios decorre pelas 13h30.

Recomendadas

Transferências milionárias são um problema no futebol? FIFA prepara uma revolução

De acordo com um relatório da FIFA, encomendado por Gianni Infantino, o presidente do organismo máximo do futebol internacional pretende introduzir alterações no mercado de transferências. Entre os vários problemas, a especulação é a grande visada. Para já, é de esperar um limite aos empréstimos.

Liga dos Campeões: SL Benfica entra em prova com 43,5 milhões de euros nos ‘cofres’

As ‘águias’ entram em prova no estádio da Luz diante do poderoso Bayern de Munique, onde atua o ex-benfiquista Renato Sanches e querem limpar a imagem deixada na última temporada, onde não somaram qualquer ponto e marcando um só golo.

Liga dos Campeões: FC Porto ainda não jogou e já ganhou mais 20 milhões do que na última época

A equipa portuguesa começa esta noite a sua prestação na prova milionária frente aos alemães do Schalke 04. No ano passado a chegada aos oitavos-de-final rendeu 23,7 milhões de euros. Este ano só pela entrada na fase de grupos os ‘dragões’ receberam 42,5 milhões.
Comentários