PSP Madeira alerta para burlas e pede a população para desconfiar de contactos que peçam pagamentos

Em causas estão burlas relativas à aquisição de serviços móveis e ainda a aluguer de residência para férias.

A PSP Madeira alertou para burlas efetuadas por via telefónica, informática, em os cidadãos são confrontados a efectuar pagamentos para serviços e aluguer de residência para férias. A força de segurança refere à população para desconfiar de qualquer contacto em que seja convidado a efetuar pagamentos, optando por contactar sempre as operadoras ou empresas com os quais tem contratos.

Na burla, explica a força de segurança, o burlão propõe a compra de equipamento telefónico a “preços muito vantajosos”, e alega uma suposta dívida a serviços contratualizados com a operadora, sinalizando transferências bancárias fictícias para a conta do cidadão pedindo a sua devolução.

A PSP diz ainda que tem recebido denúncias de contactos em que o cidadão é convidado quer por um proprietário, ou responsável de um imóvel, a sinalizar com dinheiro uma habitação para férias no Continente.

Recomendadas

Tertúlia dedicada às “40 Figuras Empreendedoras da Cultura Madeirense”

De Alberto João Jardim a Cristiano Ronaldo, passandopor Nini Andrade, João carlos Abreu, William Hinton ou Mary Jane Wilson, a tertúlia é inspirada no livro da historiadora Cristina Trindade.

Madeira SAD perde final europeia da Taça Challenge

O Madeira SAD foi derrotado no jogo da segunda mão por 26-20, depois de ter empatado no primeiro jogo 22-22.

Governo Regional entrega até 91,2 mil euros a Casas do Povo

Foram realizados dois contratos-programa com a Associação de Desenvolvimento da Região Autónoma da Madeira (ADRAMA) e com a Associação de Casas do Povo da RAM (ACAPORAM) que pode chegar até aos 50 mil euros.
Comentários