PremiumRui Barros: “Estamos a assistir a uma nova tendência: hiperpersonalização”

O responsável da Accenture Technology explica como as novas tecnologias estão a alterar a forma como vivemos e quais as grandes tendências a nível mundial.

A Accenture divulga este mês um estudo que aponta as grandes tendências da área tecnológica a nível mundial. Este estudo será debatido numa conferência que terá lugar no dia 26 de março, com o Jornal Económico (JE) como media partner. O responsável da Accenture Technology, Rui Barros, explica as principais conclusões deste estudo em entrevista ao «Decisores», o programa de entrevistas que transmitimos esta sexta-feira às 11h00, no site e nas redes sociais do JE.

Os líderes empresariais foram ouvidos neste estudo?

Ouvimos executivos de topo de empresas, de vários setores e de várias indústrias. Depois é também complementado com analistas internos, tanto da Accenture como internacionais e académicos. Tem uma abrangência global, na medida em que são 27 países, e é muito interessante porque algumas tendências que vimos no passado ocorreram e aconteceram.

O que antecipam para este ano?

Antecipámos “o que é a era pós-digital”. Ou seja, quando se fala do digital e da sua transformação, a Accenture antecipa que vêm aí novos desafios da era pós-digital. Neste momento, ainda há muitas organizações que estão a fazer este processo. Em breve isso vai deixar de ser um fator diferenciador e antevimos o que vem a seguir à era pós-digital. Nesse sentido, estamos a assistir a uma nova tendência global que está relacionada com a hiperpersonalização da oferta e dos serviços no nosso quotidiano.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor.

Ler mais
Recomendadas

Juiz e advogados defendem revisão das custas processuais

“É impensável que tenhamos um sistema legal que não permita às pessoas terem uma noção aproximada das custas de um processo com o qual vão entrar em tribunal”, critica Soares Machado.

Chambers veio a Lisboa desmistificar ‘rankings’

O diretório internacional entregou oito prémios a advogados e sociedades em Portugal e mais 10 a diretores jurídicos de empresas no Fórum de Lisboa.

PremiumBastonário dos Advogados defende voto eletrónico nas eleições da Ordem

O bastonário dos Advogados diz que a modernização da Ordem será a prioridade se for reeleito e acusa as candidaturas rivais de “populismo”.
Comentários