Rússia desliga-se da Internet mundial

As autoridades russas vão desligar a internet do país durante algumas horas. O objetivo é confirmar a autonomia da rede no caso de um ataque informático.

A agência de notícias russa RosBiznes Konsalting garantiu, em comunicado, que o país irá isolar a Internet russa do resto do mundo numa experiência que quer testar a independência do Runet – termo que define o espaço cibernético russo – e a forma como reage em caso de desconexão aos servidores mundiais.

Apesar de não revelar datas, a agência avançou que o teste se iria realizar até ao início de abril.

Num esforço conjunto entre as autoridades russas e as empresas de telecomunicações do país, como a MegaFon, a Beeline, a MTS e a RosTelecom, e financiado pelo governo russo, o ensaio quer manter o tráfego dentro das fronteiras russas, desligando o acesso à rede exterior. O objetivo é confirmar a autonomia da rede russa no caso de um ataque informático.

 

 

Recomendadas

Sonae Sierra: projeto de renovação do CascaiShopping eleito o melhor da Europa

O projeto de renovação, que contou com um investimento de 14 milhões, e do centro comercial que conta com 73.800 m2 de Área Bruta Locável (ABL), 199 lojas distribuídas por dois pisos, 40 restaurantes, sete salas de cinema (uma delas IMAX) e o inovador “Cascais Kitchen”.

Monte da Ravasqueira: Das adegas alentejanas para as mesas da China e dos EUA

Negócio de vinhos do Grupo José de Mello isolou as exportaçõese a criação de valor como vetores de desenvolvimento. No ano passado,o volumede negócios disparou 30%e a tendência mantém-se positiva em 2019.

Clientes são os vencedores do ‘confronto’ entre FinTech e a banca

Com a aposta no digital, a banca segue o exemplo das FinTech em identificar soluções para resolver as exigências dos clientes.
Comentários