S&P 500 cai pela sexta sessão consecutiva e Wall Street termina em terreno negativo

O industrial Dow Jones fechou a perder 2,13%, para 25.052,97 pontos; o financeiro S&P 500 caiu 2,06%, para 2.728,37 pontos; e o Nasdaq recuou 1,25% para 7.329,06 pontos.

Crash de 25% em Wall Street

Os três principais índices bolsistas norte-americanos encerraram a sessão desta quinta-feira em baixa, dando continuidade a uma tendência pessimista iniciada no começo da semana. Má figura tem feito o financeiro S&P 500 que caiu pela sexta sessão consecutiva. Também o Nasdaq ainda não recuperou da sessão de ontem, a pior em sete anos.

O industrial Dow Jones fechou a perder 2,13%, para 25.052,97 pontos; o financeiro S&P 500  caiu 2,06%, para 2.728,37 pontos; e o Nasdaq recuou 1,25% para 7.329,06 pontos.

Embora o setor tecnológico tenha recuperado da sessão anterior, as empresas do setor não sairam do terreno negativo.

 

Recomendadas

Um em cada dez investidores institucionais já usa Inteligência Artificial

“É tentador assumir que a rapidez, eficiência e os menores atritos criam mercados mais precisos e seguros, mas este não é necessariamente o caso. Em muitos casos as ineficiências simplesmente aumentam”, alertou Paras Anand, diretor de gestão de ativos da Ásia na Fidelity International.

Inflação na Argentina vai atingir novo pico este mês, segundo ministro do Tesouro

O peso valorizou 13% em outubro para 36,54 por dólar norte-americano. No entanto, a moeda continua 49% mais fraca em relação ao dólar no acumulado de 2018.

“Fusões em Portugal já deviam ter começado há bastante tempo”

No programa Decisores desta semana, o tema é a compra da gestora de fundos Optimize pela DiF Broker. Os líderes das duas empresas explicam como o poder dificulta as fusões no setor.
Comentários