Standard & Poor’s mantém rating da EDP

De acordo com a ‘elétrica’, a “redução contínua do nível de endividamento em linha com o recente plano estratégico anunciado para 2019-2022” esteve na base desta decisão da Standard & Poor’s.

A EDP comunicou à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários a manutenção do rating atribuído pela Standard & Poor’s

O Outlook foi também mantido em “estável”.

“A Standard & Poor’s Global Ratings (“S&P”) afirmou hoje a notação de rating de longo prazo da EDP – Energias de Portugal, S.A. (“EDP”) e da EDP Finance B.V. (“EDP Finance”) em “BBB-”. Ao mesmo tempo, afirmou a notação de rating de curto prazo em “A-3”. O Outlook é estável. Esta afirmação do rating da EDP tem por base a expectativa da S&P da redução contínua do nível de endividamento em linha com o recente plano estratégico anunciado para 2019-2022”, comunicou a EDP à CMVM.

De acordo com a ‘elétrica’, a “redução contínua do nível de endividamento em linha com o recente plano estratégico anunciado para 2019-2022” esteve na base desta decisão da Standard & Poor’s.

Recomendadas

Teixeira dos Santos: “Não tenho razões para me arrepender” da escolha de Carlos Santos Ferreira e Armando Vara

O Estado “nunca interferiu em qualquer operação” da Caixa Geral de Depósitos, garantiu ainda o ex-ministro das Finanças, na última comissão parlamentar de inquérito aos atos de gestão e recapitalização do banco público, que se realizou esta quarta-feira.

Apple considera mudar até 30% das operações da China para o Sudeste Asiático

A Índia e o Vietname são as opções cimeiras para a gigante tecnológica. A corretora Wedbush Securities sublinha que levaria pelo menos 2 a 3 anos a transferir 15% da produção de iPhones da China para outras regiões.

TAP concretiza maior operação em Bolsa desde 2012 no valor de 200 milhões de euros

A dona da companhia aérea nacional divulgou esta quarta-feira à tarde os resultados da oferta pública de subscrição das “Obrigações TAP 2019-2023”. O Jornal Económico sabe que a TAP quer captar mais 350 a 400 milhões de euros em futura abertura de capital.
Comentários