STCP lidera encomendas a novos autocarros ‘limpos’

O total das candidaturas perfaz a intenção de adquirir 199 novos autocarros ‘limpos, sendo que a transportadora rodoviária de passageiros da área metropolitana do Porto candidatou-se a 86 autocarros elétricos ou movidos a gás natural.

A STCP lidera as encomendas apresentadas no âmbito das candidaturas ao 2º aviso para a aquisição de autocarros ‘limpos’, num ttal de 86 autocarros elétricos ou a gás natural.

O ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, anunciou, hoje, que o Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos (POSEUR) recebeu 17 candidaturas ao 2º aviso para aquisição de autocarros ‘limpos’.

O POSEUR é o programa estrutural do Portugal 2020 sob alçada da área governativa do do Ministério do Ambiente.

“Mobilizando cerca de 23 milhões de euros de fundos comunitários, as candidaturas agora apresentadas perfazem um investimento de cerca de 64 milhões de euros”, destaca um nota do ministério liderado por João Pedro Matos Fernandes.

O mesmo documento acrescenta que, “ao abrigo destas candidaturas, que encerraram a 26 de outubro, foi solicitado apoio para a aquisição de 199 autocarros ‘limpos’ – 118 movidos a gás natural e 81 elétricos”.

“Foi também requerido financiamento para a aquisição de 29 postos de abastecimento: 26 elétricos e três de gás natural”, adianta o referido comunicado.

O Ministério do Ambiente revela ainda que a Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) apresentou a maior candidatura, relativa a 86 autocarros, apresentnado-se em segundo lugar a Companhia Carris de Ferro de Lisboa (“Carris”), que contempla a aquisição de 15 autocarros.

Este é o segundo aviso do POSEUR para apoio na aquisição de autocarros de elevada performance ambiental.

“Ao abrigo do primeiro aviso, de 2016, foi financiada a aquisição de 516 autocarros e de 16 postos de abastecimento. As 11 candidaturas então aprovadas foram financiadas em 54 milhões de euros, o que permitiu um investimento de cerca de 156 milhões de euros”, resume o comunicado do Ministério do Ambiente.

 

Ler mais
Recomendadas

Fundação Berardo gasta 1 milhão de euros em atividades de cariz social e tem um passivo de 998,5 milhões

De acordo com o relatório e contas da Fundação José Berardo de 2017, consultado pela Lusa, a IPSS do empresário madeirense conhecido por Joe Berardo, sediada no Funchal, gastou 1,041 milhões de euros nos “fins estatutários” da instituição, ou seja, caritativos, educativos, artísticos e científicos.

Spiros Martinis Spettel será o primeiro CEO da parceira entre EDP e Engie

Mandatos na nova ‘joint venture’ vão durar três anos. No primeiro, é a EDP Renováveis a nomear o CEO, enquanto a Engie escolhe o ‘chairman’ e o COO, enquanto no seguinte será ao contrário.

Cabo Verde recompra 40% da CV Telecom e põe fim ao litígio com a PT Ventures

O Estado cabo-verdiano e a empresa detida pela brasileira Oi assinaram esta terça-feira, na cidade da Praia, o acordo que acaba com o contencioso existente entre as duas entidades.
Comentários