Sustentabilidade: a partilha de boas práticas tem um grande impacto

O vencedor do prémio de Sustentabilidade Alimentar desta 10.ª edição do FNA foi o Instituto Técnico de Alimentação Humana, com o projeto ITAU + SUSTENTÁVEL. Fique a conhecer melhor.

“O FNA tem sido um compromisso muito assíduo na nossa agenda ao longo dos últimos anos”, garante Patrícia Chula Gestora de Inovação.

O ITAU definiu como objetivo estratégico: menos plástico, menos desperdício, menos proteína animal e mais sustentabilidade.

São várias as iniciativas afetas ao compromisso com a Sustentabilidade:

Menos Plástico:

1. “Zero Plástico” – redução/eliminação de todos os artigos de plástico de utilização única, com especial ênfase no serviço de cafetarias. Foram listados todos os artigos utilizados atualmente e identificadas alternativas de redução/eliminação ou substituição por materiais mais sustentáveis.

2. Dispensador de Pão – protótipo que permite evitar o pão embalado individualmente, mantendo a garantia de segurança alimentar no serviço.

Menos Desperdício:

1. Alimentar – projetos “Menos no Prato, Mais na Consciência”, com o objetivo de avaliar o potencial de redução do desperdício de alimentos, durante as fases de preparação e confeção das refeições, bem como no serviço ao cliente, através da contabilização das sobras resultantes dos tabuleiros e respetiva sensibilização para comportamentos mais responsáveis e sustentáveis;

2. Não alimentar – “Eco registos de higienização”, evitando a impressão semanal de registos de higienização. A matriz do registo de higienização de cada zona da unidade de restauração é colocada numa bolsa acrílica e o respetivo preenchimento é feito com caneta de acetato. No final da semana os registos são fotografados e arquivada a fotografia como evidência do cumprimento do Plano de Higienização.

– Etiquetas eletrónicas: alternativa digital à identificação das sopas e pratos disponíveis na linha, evitando a impressão diária de etiquetas e templates.

– ”HACCP Next Generation”: hardware + software para gestão do sistema de qualidade e segurança alimentar, de forma completamente digital e sem papéis. Garantia do preenchimento e monitorização de todos os registos diários obrigatórios, controlo e acompanhamento da rastreabilidade das matérias-primas, receção direta de controlos microbiológicos, consulta e exportação dos dados em tempo real.

Menos Proteína Animal:

1. Edição de um livro de receitas ovolactovegetarianas sustentáveis e respetiva versão ebook;

2. Implementação do “Dia sem Carne”, com o objetivo de sensibilizar os consumidores para o impacto ambiental do consumo de carne, privilegiando e promovendo a escolha de alternativas vegetarianas.

Conheça melhor este projeto na breve conversa em cima.

 

 

Este conteúdo patrocinado foi produzido em colaboração com o Food & Nutrition Awards.

Recomendadas

Profissões do futuro: quais as saídas e as competências procuradas?

Será já no dia 17 de Junho às 17h00 que poderá ficar a entender as próximas transformações no mercado de trabalho e quais são os empregos do futuro, na JE editors Talks: Saídas Profissionais.

Não consegue pagar a renda?

Todas as terças-feiras, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa traz-lhe dicas e sugestões para enfrentar os desafios dos próximos tempos. Esta semana saiba que direitos e garantias tem se perdeu rendimentos e tem receio de não conseguir pagar a renda da sua casa.

IA: chegou o tempo dos robots?

O desenvolvimento da Inteligência Artificial tem permitido grandes avanços na robótica e nos processos. Dia 7 de Junho o desenvolvimento deste campo da ciência estará em debate nas JE editors Talks.
Comentários