TAP vai dar emprego a mil pessoas em 2019

A empresa quer contratar tripulantes e pilotos. As razões prendem-se com a chegada de mais aviões e novos destinos, dand assim continuidade ao reforço de meios iniciado no último ano.

Foto Cedida/ A. Doumenjou

A TAP vai contratar mil pesssoas em 2019. A administração da empresa de transportes aéreos afirmou ao jornal “Dinheiro Vivo” que a implementação de medidas estratégicas decisivas já está a trazer resultados, nomeadamente em termos de pontualidade.

No último ano, face aos atrasos e cancelamentos, a empresa teve de pagar quase 40 milhões de euros em indemnizações. Nas últimas semanas, a TAP indicou ter conseguido empréstimos de mais de 240 milhões, reflexo de que a credibilidade da companhia nos mercados está a ser recuperada.

“Estamos altamente focados em melhorar a confiabilidade nessa vertente, que continua a ser uma prioridade”, sublinhando que “estamos muito confiantes de que os investimentos no Aeroporto Humberto Delgado vão ajudar a melhorar”, afirmou o CEO da empresa, Antonoaldo Neves.

Em 2018, entraram para a TAP 1113 pessoas, das quais 565 são tripulantes de cabine e 138 pilotos.

Recomendadas

Monte da Ravasqueira: Das adegas alentejanas para as mesas da China e dos EUA

Negócio de vinhos do Grupo José de Mello isolou as exportaçõese a criação de valor como vetores de desenvolvimento. No ano passado,o volumede negócios disparou 30%e a tendência mantém-se positiva em 2019.

Clientes são os vencedores do ‘confronto’ entre FinTech e a banca

Com a aposta no digital, a banca segue o exemplo das FinTech em identificar soluções para resolver as exigências dos clientes.

Portugal e Cabo Verde no topo da liberdade de imprensa

Os Repórteres Sem Fronteiras referem que, “apesar de os jornalistas serem mal pagos” e haver mais “insegurança no trabalho”, em Portugal, “o ambiente investigativo é relativamente calmo”. De Cabo Verde exaltam a “ausência de ataques” a estes profissionais.
Comentários