Todos os distritos abrangidos pela ARS-Norte diminuem novos casos de Covid-19

Todos os distritos abrangidos pela ARS-Norte diminuíram os novos casos de infeção confirmada com Covid-19 entre as semanas de 19 a 25 de novembro e de 26 de novembro a 2 de dezembro, segundo um relatório consultado pela Lusa.

José Coelho/Lusa

De acordo com o relatório da Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N) que semanalmente reporta a evolução epidemiológica nos concelhos da região – e que a agência Lusa teve acesso – o distrito de Bragança foi o que registou maior diminuição de casos no período em questão (-45%), seguido de Viana do Castelo (-42%), Braga (-38%), Aveiro (-31%), Porto (-30%), Viseu (-23%) e Vila Real (-9%).

O distrito de Braga passou de 536 novos casos, entre 19 e 25 de novembro, para 297 casos, entre 26 de novembro e 2 de dezembro. Já Viana do Castelo registou uma queda nos novos casos de 828 para 484, em Braga recuou de 7.623 para 4.725, em Aveiro de 2.144 para 1.473, no Porto de 10.739 para 7.553, em Viseu de 312 para 241 e em Vila Real de 1.133 para 1.026.

Numa análise por concelhos, apenas se constata um aumento no número de casos em S. João da Madeira (distrito de Aveiro, com +12%), Esposende (distrito de Braga, com +31%), Peso da Régua e Santa Marta de Penaguião (distrito de Vila Real, com +12% e +78%, respetivamente), e Lamego e Resende (distrito de Viseu, com +20% e +22%, respetivamente).

Segundo o relatório, Chaves foi o concelho a Norte que apresentou a maior incidência de novos casos por 100 mil habitantes na última semana em análise (1.118,4 casos), seguindo-se Mondim de Basto (979 casos), Trofa (877,2 casos) e Esposende (772,4 casos).

Olhando para a incidência de novos casos nas últimas duas semanas (14 dias) por 100 mil habitantes, indicador para o qual está definido o valor de 240 como referência para a aplicação de medidas restritivas aos concelhos, destacam-se novamente com os valores mais elevados os concelhos de Chaves, Mondim de Basto e Trofa (com, respetivamente, 2.216,4 casos, 2.029,9 casos e 1.900,2 casos). Neste indicador, a média da região Norte está agora nos 1.096,3 casos.

Em Portugal morreram 4.803 pessoas dos 312.553 casos de infeção confirmados pelo novo coronavírus, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

O país está em estado de emergência desde o dia 9 de novembro e até 8 de dezembro, período durante o qual está previsto recolher obrigatório nos concelhos onde o risco de contágio é considerado mais elevado.

Durante a semana, o recolher obrigatório tem de ser respeitado entre as 23h00 e as 05h00, enquanto nos fins de semana e feriados a circulação está limitada entre as 13h00 de sábado e as 05h00 de domingo, bem como em igual horário entre domingo e segunda-feira.

[notícia corrigida às 12h14 para retificar que Bragança foi o concelho com a maior diminuição, como se lê no segundo parágrafo, e não Braga, como figurava anteriormente]

Ler mais
Recomendadas

Covid-19: Profissionais de saúde começam domingo a receber segunda dose da vacina

Os primeiros profissionais de saúde que foram vacinados contra a covid-19 no final do ano vão começar a receber domingo a segunda dose do fármaco da BioNTech/Pfizer, anunciou hoje o ministério da Saúde.

Covid-19: Índia anuncia mais 175 mortes e 15 mil casos no dia em que arranca vacinação

A Índia registou 175 mortes por covid-19 e 15.158 casos nas últimas 24 horas, informaram hoje as autoridades indianas, no mesmo dia em que começou a campanha de vacinação naquele país, o segundo mais populoso do mundo.

Atraso nas vacinas? Pfizer garante entrega das doses do primeiro trimestre, diz presidente da Comissão Europeia

O CEO da farmacêutica, Albert Bourla, assegurou a Ursula von der Leyen que tem consciência do número de doses para entregar à União Europeia nos três primeiros meses desde ano e irá cumprir.
Comentários