Trabalhadores a recibos verdes no Estado aumentaram 14,6%

Os dados da Direção-Geral da Administração e do Emprego Público (DGAEP) revelam que esta subida foi particularmente notória nos serviços dependentes do ministério do Trabalho.

O número de trabalhadores a recibos verdes nos organismos públicos aumentou 14,6% no final do segundo semestre do ano passado, face a igual período de 2016, para 17.728. Os dados da Direção-Geral da Administração e do Emprego Público (DGAEP) revelam que esta subida foi particularmente notória nos serviços dependentes do ministério do Trabalho, noticia o jornal “Público”.

Este é o número mais elevado desde o segundo semestre de 2013, quando foram identificadas 28 mil pessoas em regime de prestação de serviços. Mais de metade dos trabalhadores (56% do total) têm ligação aos organismos da administração central, sobretudo nos serviços que dizem respeito aos ministérios do Trabalho e Segurança Social, Saúde e da Ciência e Ensino Superior.

Só no ministério do Trabalho foram contabilizados 6.113 prestações de serviços, um número que representa 61% dos recibos verdes da administração central e um terço do total. A DGAEP explica que este acréscimo foi “devido ao sinal da retoma da atividade do Instituto do Emprego e Formação Profissional [IEFP] com a contratação maioritariamente de formadores”.

Relacionadas

Comissões de Finanças e Modernização Administrativa aprovaram integração de 282 precários

Em audição hoje na Comissão de Orçamento e Finanças, a propósito do Programa de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários na Administração Pública (PREVPAP), a presidente da Comissão de Modernização Administrativa, Isabel Ramos, indicou que 183 pedidos de integração no Estado foram aprovados e 108 não aprovados.

Ganhar depois de 35 anos a falsos recibos verdes para o Estado

A situação era particularmente injusta: estavam a falsos recibos verdes e com baixos salários para um empregador que fugia à lei e que depois as obrigava a contribuições que tinham dificuldade em manter.

Governo abriu 2.267 vagas para regularização de precários

As comissões de avaliação bipartida deram parecer favorável a 12.522 pedidos de regularização de trabalhadores precários do Estado, tendo sido homologados 7.101 pareceres.

Recibos Verdes: Novo regime obriga empresas a pagar mais 70 milhões de euros

Patrões não estão estão satisfeitos com alterações. O ministro do Trabalho, Vieira da Silva, garantiu, por sua vez, que a mudança no regime não terá impacto nas contas da Segurança Social.
Recomendadas

Floresta diversificada resiste melhor a fogos e secas, revela estudo

Investigadores liderados pelo biólogo William Anderegg, da Universidade de Utah, nos Estados Unidos, concluíram que uma floresta com uma grande variedade de árvores e de características diversas relacionadas com o fluxo da água sofre menos com os períodos de seca.

Superbrands: há uma marca portuguesa entre as 10 preferidas pelos consumidores

Dentro dos setores avaliados, aqueles mais relevantes são os de motores, eletrónica e moda de consumo, superfícies comerciais e desporto.

Prozis Tech Maia vai representar investimento superior a 15 milhões de euros

Já está em curso o processo de recrutamento para a entrada imediata de 300 colaboradores, sobretudo nas áreas da programação e dos sistemas informáticos.
Comentários