Turismo: oportunidades de investimento reunidas numa só plataforma

O Turismo de Portugal pretende promover o contacto entre proprietários de imóveis com apetência turística e potenciais investidores, nacionais ou estrangeiros.

Cristina Bernardo

Acaba de ser lançada a plataforma invest.turismodeportugal.pt, uma iniciativa do Turismo de Portugal, que visa dar a conhecer as oportunidades de investimento no país, tendo em vista a valorização e recuperação do património com potencial de desenvolvimento turístico que se encontra devoluto ou inativo.

Com esta plataforma, o Turismo de Portugal pretende promover o contacto entre proprietários de imóveis com apetência turística e potenciais investidores, nacionais ou estrangeiros, contribuindo deste modo para a requalificação do património nacional, para a consolidação da oferta turística no interior do país, para a geração de riqueza e criação de postos de trabalho.

Esta ferramenta também disponibiliza uma área informativa com dados estatísticos, formação e instrumentos financeiros, “apresentados de uma forma simples, sucinta e especificamente orientados para quem pretende investir no turismo”, garante a entidade. Estas informações estão igualmente disponíveis em inglês.

Reforçando que esta medida “vem ao encontro dos objetivos da Estratégia Turismo 2027, desenhada para tornar Portugal um destino cada vez mais competitivo e um destino de investimento, ideal para viver, estudar, investigar e criar empresas”, a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, considera tratar-se de “um excelente mecanismo que respondeu ao repto para dar a conhecer inúmeras oportunidades de investimento no turismo ao longo do país, que por falta de informação não chegam muitas vezes aos investidores interessados. Promoverá o alargamento do turismo a todo o território e para a coesão do país”.

Recomendadas

Confiança dos consumidores volta a aumentar em junho

O saldo das expectativas relativas à evolução da situação económica do país aumentou em junho, após ter diminuído ligeiramente no mês precedente, revela esta quinta-feira o INE.

Pouco dinheiro para férias? Estas cidades são as mais baratas

Em Tunes, na Tunísia, ou Manágua, no Nicarágua, o custo de vida é dos mais baixos do mundo.

Deco pede mais fiscalização e regulamentação ao negócio das trotinetas 

Para a Associação para a Defesa do Consumidor, o número de trotinetas deve ser “regulamentado em função do espaço disponível e das necessidades dos cidadãos”.
Comentários