Volvo Ocean Race: Vestas ‘inaugura’ chegada das embarcações a Lisboa

A chegada ao estuário do Tejo aconteceu três dias antes do previsto, uma vez que a abertura oficial do recinto está agendada apenas para terça-feira.

A embarcação Vestas foi a primeira a chegar hoje a Lisboa, pelas 15:09, naquela que é a segunda paragem da 13.ª edição da prova de vela Volvo Ocean Race, depois da partida de Alicante, em Espanha, no último domingo.

a tarde, mas enfrentou alguma falta de vento nas zonas de Caxias e Paço de Arcos, o que acabou por atrasar um pouco o ritmo da Vestas, ainda assim o barco mais rápido dos sete participantes a completar o percurso de 1.450 milhas náuticas (2.690 quilómetros).

A chegada ao estuário do Tejo aconteceu três dias antes do previsto, uma vez que a abertura oficial do recinto está agendada apenas para terça-feira. O ‘stopover’ decorre até 05 de novembro, dia em que as embarcações partem para uma ligação transatlântica até à Cidade do Cabo, na África do Sul.

A Volvo Ocean Race, antiga Whitbread, é a maior competição de vela oceânica do mundo. Esta edição tem chegada prevista para Haia (Holanda), a 30 de junho de 2018, depois de 11 etapas em 12 países, com um total de 83.400 quilómetros (45.000 milhas náuticas).

Recomendadas

12,5 mil milhões de euros: Mundial 2018 rendeu 1,1% do PIB à economia russa

Entre 2013 e 2018 foram criados mais de 300 mil novos empregos a cada ano na Rússia. Um relatório do comité local organizador aponta para mais efeitos económicos ao longo dos próximos cinco anos.

Justiça dos EUA impede Benfica de aceder a dados de bloggers associados ao e-toupeira

Apesar da decisão judicial, pelo arquivamento da queixa, o Benfica já tinha chegado a acordo com a Google – embora os temos não sejam conhecidos.

PremiumComo o “Efeito Ronaldo” influencia a receita de um clube

A DBRS considera que Cristiano Ronaldo, dentro e fora de campo, é um caso paradigmática, naquilo que são os jogadores de classe mundial que dão mais sucesso financeiro aos clubes, do que desportivo. Para a Juventus, “a contratação de Ronaldo é claramente um passo para ajudar o clube a atingir o próximo nível comercial”, lê-se no documento da agência de notação financeira canadiana.
Comentários