13 mil metros quadrados, campo de golfe, piscina e custou 151 milhões. Jeff Bezos compra mansão mais cara de Los Angeles

O fundador e presidente da Amazon adquiriu a residência ao produtor cinematográfico David Geffen, que em 1990 tinha comprado a mansão por 43 milhões de euros. O anterior recorde pertencia a Lachlan Murdoch, presidente da Fox, que gastou 137 milhões de euros numa mansão em Bel Air.

REUTERS/Joshua Roberts

Jeff Bezos estabeleceu mais um recorde na sua vida pessoal ao comprar uma mansão na zona de Beverly Hills por 151 milhões de euros, tornando-se assim a mais cara da história em todo o estado de Los Angeles, nos Estados Unidos, segundo informa o jornal espanhol “El Mundo” esta quinta-feira, 13 de fevereiro.

Esta residência foi projetada em 1930 para ser habitada pelo primeiro presidente dos estúdios da Warner Bros, Jack Warner, e, entre outros luxos, possui o seu próprio campo de golfe de nove buracos, que também incorpora um campo de ténis, piscina e jardins nos seus 13 mil metros quadrados.

Segundo o “The Wall Street Journal”, o negócio foi realizado sem intervenção de nenhum agente ou intermediário imobiliário. Jeff Bezos e a sua namorada, Lauren Sanchez, concordaram em comprar diretamente a mansão ao produtor cinematográfico David Geffen, que comprou a casa, em 1990, por 43,5 milhões de euros.

A antiga residência mais cara de Los Angeles estava localizada em Bel Air, e é conhecida como villa Chartwell. Foi adquirida por Lachlan Murdoch, presidente da Fox, por 137 milhões de euros.

Esta mansão de Beverly Hills não é a única propriedade milionária que Jeff Bezos terá adquirido nos últimos dias. já que de acordo com o “The Wall Street Journal”, a sua empresa pessoal (Bezos Expeditions) pagou cerca de 82 milhões de euros por algumas terras do co-fundador da Microsoft, Paul Allen.

Relacionadas

Jeff Bezos vendeu 4 mil milhões de dólares em ações numa semana

Jeff Bezos admitiu numa entrevista, em 2017, que estava a vender ações da Amazon com valores perto de mil milhões de dólares por ano para financiar a Blue Origin LLC, a empresa de voos espaciais.

Amazon volta a enriquecer Bezos. Em 15 minutos somaram-se 11,9 mil milhões de euros

A Amazon é o principal contributo para a fortuna de Jeff Bezos, sendo que o empresário ainda é proprietário da Blue Origin, de capital fechado, cujo valor ascende a 6,2 mil milhões de dólares (5,6 mil milhões de euros).

Louco ano de Bezos. Divórcio custou-lhe oito mil milhões de euros mas ainda é o mais rico do mundo

O fundador e CEO da Amazon, Jeff Bezos, perdeu mais dinheiro do que qualquer outro bilionário em 2019, após a separação de MacKenzie Bezos. Mesmo assim, continua a ser o mais rico do mundo.
Recomendadas

Preço das casas em Portugal com subida superior à média europeia no final de 2019

Portugal registou uma subida de 8,9% contra as subidas de 4,2% na zona euro e de 4,7% na União Europeia.

Airbnb angaria mais de 900 milhões para fazer face aos efeitos da pandemia da Covid-19

Recentemente, o Airbnb reviu internamente a sua avaliação diminuido-a para 26 mil milhões de dólares, devido às restrições em vigor nas deslocações e viagens turísticas por todo o mundo.

Custos da construção abrandam para variação homóloga de 2,2% em fevereiro

Por sua vez, os preço dos materiais e o custo da mão de obra revelaram variações de -0,4% e de 5,9%, respetivamente face ao período homólogo.
Comentários