Carlos Ribas: “Não fosse esta situação dos componentes e este ano seria o melhor de sempre em vendas da Bosch em Braga”

Bosch fechou 2020 com uma quebra homóloga de 10%, para 1,6 mil milhões de euros, nas vendas em Portugal. Em entrevista exclusiva ao Jornal Económico o representante do grupo alemão em Portugal, Carlos Ribas, justifica o decréscimo com o impacto da pandemia nas operações, sobretudo na divisão automóvel em Braga. Explica o ‘lay-off’ aplicado em Braga e fala sobre as perspetivas de futuro da Bosch.

Recomendadas

PremiumBastam 15 km de nova linha para ligar Faro a Sevilha

Há mais de dez anos que a RAVE equacionou uma solução faseada para ligar as redes ferroviárias do Algarve e da Andaluzia implicando um investimento mínimo para Portugal e a utilização do Alfa Pendular.

PremiumO novo arsenal da Netflix para fechar ano em força

Há qualquer coisa na história dos primeiros anos da Netflix que nos desconcerta.

BlackRock, HSBC e UBS são dos que mais investiram na dívida da Evergrande

Depois de analisar as exposições à Evergrande pelos seis maiores fundos de obrigações de alto rendimento na Ásia, a Morningstar assinalou que aquelas três instituições estiveram a “acumular” dívida da Evergrande nos últimos meses.
Comentários