Accenture investe 2,5 mil milhões de euros para acelerar migração para a ‘cloud’

A consultora, que teve uma receita de 9,4 mil milhões de euros nestes serviços em 2019, lançou uma nova área destinada à transição digital, composta por 70 mil profissionais com conhecimentos em armazenamento na ‘nuvem’.

A consultora Accenture anunciou esta quarta-feira o lançamento de uma nova área na empresa dedicada ao armazenamento na ‘nuvem’ e destinada a acelerar a transição digital e a migração de clientes para esta rede.

A “Cloud First” implicou um investimento de 2,5 mil milhões de euros para os próximos três anos e pretende gerar maior valor para as organizações e stakeholders, tornando as empresas cloud first – ou seja, com uma estratégia de negócio na qual a cloud computing é um investimento prioritário.

A nova equipa especializada da Accenture, que será liderada pelo diretor de serviços tecnológicos Karthik Narain, é multisserviço e constituída por 70 mil profissionais de cloud que reúne conhecimento no tema e contacto com a indústria.

No final do ano fiscal de 2019, a Accenture registou uma receita de, aproximadamente, 11 mil milhões de dólares (cerca de 9,4 mil milhões de euros) em serviços de cloud. A previsão do mercado é que o valor desta unidade de negócio continue a crescer entre as tecnológicas e consultoras de tecnologia.

“A atual situação da Covid-19 criou um novo ponto de inflexão que exige que cada empresa acelere a mudança para a cloud, como uma base para a sua transformação digital, e que ajude a construir a resiliência, novas experiências e produtos, confiança, velocidade e redução de custos estruturais que a crise económica e social exige”, explica a CEO da Accenture, Julie Sweet.

O mais de 2 mil milhões neste projeto serão despendidos na elaboração de planos para as indústrias, modelos de dados e soluções; dados de Inteligência Artificial (IA) em cloud e arquiteturas de IA; infraestrutura integrada e capacidades aplicacionais; ferramentas cloud, ativos e automação para reduzir o custo unitário e impulsionar a inovação; e investigação e desenvolvimento (I&A) em computação de ponta e outras tecnologias relacionadas com a cloud.

A Accenture Cloud First vai ingressar no Global Management Comitee a partir do próximo dia 1 de outubro.

Ler mais
Recomendadas

IPO do grupo Ant regista procura histórica de três biliões de dólares por parte de investidores

Apesar dos riscos de escrutínio, os investidores de retalho e institucionais estão a correr para comprar ações do grupo que opera a maior plataforma de pagamentos da China, bem como outros serviços financeiros.

Sindicato dos tripulantes “não quer acreditar” que a TAP vá reduzir salários

Presidente do SNPVAC, Henrique Louro Martins, disse, em entrevista ao “Público”, que os trabalhadores que representa já perderam grande parte da remuneração e lamenta que a administração ainda não tenha comunicado o plano de reestrutração da transportadora aérea.

PremiumRoger Tamraz: Dos milionários ‘pipelines’ no Médio Oriente ao interesse pelo banco de Isabel dos Santos

Gravitou em negócios da mais alta geopolítica, rodeado por chefes de Estado do Médio Oriente e de antigas repúblicas soviéticas, e fez parcerias com Onassis no Panamá. Agora gere investimentos a partir do Dubai, com russos, chineses e africanos. Aos 80 anos pretende comprar o Eurobic.
Comentários