PremiumAltamira vendeu 250 milhões de euros em imobiliário e malparado em 2019

Sociedade tem mais de quatro mil propriedades em Portugal. Eduardo Cerqueira, CEO em Portugal, revelou que o objetivo é “melhorar entre dez a 20 milhões de euros” os resultados de 2019.

A Altamira Portugal, uma gestora de ativos que entrou no mercado nacional em 2017 para gerir o portefólio da Oitante, realizou 250 milhões de euros com vendas de imóveis e crédito malparado (NPL) em 2019.

A gestora de crédito e de ativos imobiliários, que em Portugal é liderada pelo presidente executivo, Eduardo Cerqueira, e que gere uma carteira de 1,6 mil milhões no mercado nacional, vendeu 200 milhões de euros em ativos imobilíarios no ano passado, o que se traduziu num crescimento de 33%. Por sua vez, a venda de NPL em Portugal disparou 85% no ano passado para 50 milhões de euros.

A sociedade só chegou ao mercado nacional em 2017 porque esteve “à espera de uma oportunidade única”, revelou Eduardo Cerqueira, ao Jornal Económico. “A nossa concorrência já existia há dez anos”, adiantou.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Holding da família Queiroz Pereira reforça na Semapa

A Sodim (holding que controla a Semapa) comprou fora de bolsa mais 1.017% da dona da Navigator e da Secil.

TAP promete recuperar “tão rapidamente quanto possível” os voos a partir do Porto

A empresa assegura ainda que “irá continuar este processo de diálogo com todas as regiões portuguesas”.

Governo prepara “machadada letal no layoff simplificado”, dizem confederações patronais

Em comunicado a CAP, CIP, CTP e CPP reforçam a ideia de que “é preferível apoiar emprego a pagar subsídios de desemprego”.
Comentários