ANJAP realiza conferência sobre Regulamento Geral de Proteção de Dados

Realiza-se amanhã a primeira conferência organizada pela atual delegação regional de Lisboa da ANJAP.

Um ano após a entrada em vigor do Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD), e com a legislação nacional correspondente a ser discutida na Assembleia da República, a Delegação Regional de Lisboa e a Comissão de Propriedade Intelectual e Novas Tecnologias da Associação Nacional de Jovens Advogados Portugueses (ANJAP) organizam uma conferência intitulada “Um ano de RGPD: Balanço e Futuro”, a qual se realizará nesta quinta-feira, 30 de maio, entre as 09h00 e as 11h00, no auditório da SRS Advogados, situado na capital.

Trata-se da primeira conferência organizada pela atual delegação regional de Lisboa da ANJAP em colaboração com a Comissão de Propriedade Intelectual e Novas Tecnologias da ANJAP, a qual nasceu da necessidade sentida por estas entidades de apresentar uma perspetiva prática deste primeiro ano de vigência do RGPD e de debater o que o futuro poderá trazer nestas matérias.

São oradores convidados Inês Antas de Barros (advogada na Vieira de Almeida), Mafalda Aguiar (advogada na SRS Advogados) e Andreia da Silva Neto (deputada à Assembleia da República pelo PSD e coordenadora do Grupo de Trabalho do RGPD), sendo a moderação efetuada por Márcia Martinho da Rosa (coordenadora da Comissão de Propriedade Intelectual e Novas Tecnologias da ANJAP e advogada na PRA – Raposo, Sá Miranda e Associados) e a abertura e encerramento estará a cargo de Manuel Ferreira Mendes (presidente da Direção Regional de Lisboa da ANJAP e advogado na Costa Pinto Advogados) e Filipe Bismarck (presidente da direção nacional da ANJAP, na foto), respetivamente.

Recomendadas

PremiumBastonário dos Advogados defende voto eletrónico nas eleições da Ordem

O bastonário dos Advogados diz que a modernização da Ordem será a prioridade se for reeleito e acusa as candidaturas rivais de “populismo”.

Compra da Tagusgás pela Galp Gás foi assessorada pela Sérvulo e pelo BCP

Galp Gás Natural Distribuição anunciou esta segunda-feira a conclusão do negócio de compra da Tagusgás, empresa de distribuição de gás natural na região Centro do país, por um valor de 32 milhões de euros. A Sérvulo foi o assessor jurídico e o Millennium BCP o assessor financeiro.

PremiumMagistrados criticam “equívocos” salariais

Tal como os juízes conselheiros, os magistrados do Ministério Público também vão poder ganhar mais do que o primeiro-ministro.
Comentários