Aon lança ferramenta de avaliação de risco cibernético

Com o objectivo de consciencializar as organizações e o mercado para o risco crescente dos ciberataques, a Aon anunciou o lançamento do CyQu (Aon Cyber Quotient Evaluation).

Com o objectivo de consciencializar as organizações e o mercado para o risco crescente dos ciberataques, a corretora de seguros Aon anunciou o lançamento do CyQu (Aon Cyber Quotient Evaluation), uma ferramenta que faz um diagnóstico à maturidade e ao risco das empresas para capacitá-las numa avaliação do seu risco cibernético e, assim, desenvolver uma estratégia de mitigação personalizada e baseada em dados concretos.

Através de uma plataforma Web, o CyQu oferece uma visão da resiliência cibernética e oferece uma mitigação prática dos riscos. A solução inclui uma avaliação de resiliência cibernética por parte de profissionais da Aon, um seguro cibernético, desde que os clientes utilizem as soluções da Cisco e produtos da Apple, e serviços de resposta a incidentes por parte das equipas de resposta da Cisco e da Aon no caso de um ataque de malware.

“A ameaça de ataques cibernéticos é um dos maiores riscos que o mercado actual enfrenta. O risco pode ser estrategicamente gerido, mas apenas se for compreendido através da análise de dados e tratado de maneira holística, como um risco corporativo. O CyQu torna isso possível”, disse James Trainor, senior vice-presidente da Aon Cyber Solutions.

PCGuia
Recomendadas

BCP aceita acordo para reduzir dívida do Sporting mas falta o Novo Banco

O prazo para o entendimento entre a SAD e os bancos terminou esta semana, mas só o Millennium bcp deu ‘ok’ à reestruturação da dívida bancária.

Banco de Portugal adopta ‘energia verde’ nos seus edifícios

“A transição para a nova forma de consumo de energia deverá estar concluída ainda durante o primeiro trimestre deste ano. Com esta medida, o Banco tem como objetivo reduzir a sua pegada de carbono”, explica a instituição

BCE pede aos bancos que evitem “distorcer” resultados de testes de stress

A cada dois anos, a Autoridade Bancária Europeia e o BCE realizam os chamados testes de stress a 50 bancos da União Europeia para medir a força das entidades bancárias em diferentes cenários de stress, como uma crise, por exemplo.
Comentários