Apenas 10% dos manuais escolares são reutilizados pelas escolas

Taxa nacional de reaproveitamento de manuais escolares no 1º ciclo é de apenas 10%, contudo há 210 agrupamentos que superam a marca.

A reutilização dos manuais escolares disponibilizados pelo Ministério da Educação ainda é baixa, uma vez que, dos livros fornecidos no ano anterior no 1.º Ciclo, só 10% estão a ser reaproveitados este ano e um quarto das escolas não conseguiu reutilizar qualquer livro, noticiou esta segunda feira o ”Jornal de Notícias”.

Mas há boas noticias: 210 agrupamentos superaram a média nacional. Destes 210 estabelecimentos (quase um terço dos agrupamentos do país com escolas primárias), mais de 60% encontram-se nas regiões do Norte e de Lisboa e Vale do Tejo, sendo que a capital é que regista o valor mais elevado de reaproveitamento.

Segundo o jornal, 45 mil alunos do 1º ciclo têm pelo menos, um manual reutilizado. Este ano, o numero de manuais reutilizados subiu para 110 mil, sendo que, segundo o Governo, cada manual pode ser utilizado durante três anos.

Recomendadas

França e Alemanha investem 150 milhões de euros no desenvolvimento de um novo avião de combate

Este avião vai ter um custo total de quatro mil milhões de euros e só ficará pronto em 2040. Alemanha e França entram com o primeiro investimento e Espanha junta-se no final deste ano.

Sindicato denuncia “agravada exploração” de trabalhadores no Complexo de Sines

“A precariedade está inerente ao trabalho à hora e esta questão é muito complicada e importa terminar porque reporta-nos para vínculos de trabalho quase da pré-revolução industrial, um grave problema que temos neste complexo industrial e temos de acabar com ele”, avançou hoje à agência Lusa o coordenador local do SITE Sul, Hélder Guerreiro.

PSP identificou sete pessoas no caso do vídeo de jovem obrigado a inalar fumo de escape

Depois do vídeo partilhado nas redes sociais em que se vê um jovem negro ser obrigado a inalar fumo de escape de uma viatura, a PSP rapidamente conseguiu identificar os intervenientes e apurou que se tratou de uma aposta feita num contexto de um grupo de amigos. O caso foi remetido para o ministério público.
Comentários