Baixas médicas já estão à distância de um clique. Saiba como

Esta nova forma de obter a baixa médica foi desenvolvida pela SPMS, sendo o primeiro serviço público a ficar “protegido com autenticação forte, quando em maio deste ano, o registo passou ser feito, exclusivamente, com Cartão do Cidadão ou Chave Móvel Digital”.

Desde o início de outubro que os utentes do Sistema Nacional de Saúde (SNS) já podem aceder aceder à respetiva baixa médica em suporte digital, quando emitida pelo médico de família, a partir do Portal SNS, e posteriormente enviá-la por e-mail à entidade patronal sem ter de se dirigir ao local, anunciou esta quarta-feira o site dos Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS).

A medida entrou em vigor no seguimento das medidas de simplificação de processos na área da saúde, tomadas pelo Governo. “O acesso à baixa médica sem papel vem juntar-se a um conjunto de outras funcionalidades, como a consulta aos resultados de exames, aos guias de tratamento, ao boletim de vacinas e a muitos serviços eletrónicos, nomeadamente marcar consultas, pedir isenção das taxas moderadoras”, por exemplo.

Além de aceder à baixa médica em suporte digital, o utente poderá consultar sempre que queira todas as suas baixas médicas prescritas.

Esta nova forma de obter a baixa médica foi desenvolvida pela SPMS, sendo o primeiro serviço público a ficar “protegido com autenticação forte, quando em maio deste ano, o registo passou ser feito, exclusivamente, com Cartão do Cidadão ou Chave Móvel Digital”.

Como pedir a baixa médica em suporte digital?
– No portal SNS aceder ao Registo de Saúde Eletrónico – Área do Cidadão;
– Aí poderá consultar os seus documentos, incluindo a baixa médica ou Certificado de Incapacidade Temporária, guardar e enviar por e-mail para o local de trabalho;
– Posteriormente o documento original terá de ser entregue na entidade empregadora.

Relacionadas

Já é possível tirar senhas para o centro de emprego, IMT e Segurança Social a partir da sua televisão

Os serviços estão disponíveis apenas para os clientes da Vodafone Portugal com serviço de televisão e box da operadora, através da aplicação ‘Serviços Públicos’. A Vodafone diz ser a primeiro operadora a disponibilizar serviços públicos na televisão.

Mais de 1.400 cidadãos já renovaram o cartão de cidadão online. Saiba quais os passos necessários

Segundo o Governo desde o início do ano registou-se um aumento de 24% dos pedidos do cartão do cidadão, devido ao Brexit e às alterações na Lei da Nacionalidade.
Recomendadas

Fique a saber que opções tem caso queira trocar um artigo

Não se esqueça de guardar todos os talões, comprovativos ou recibos. Assim, tem as ofertas todas acauteladas e pode, ainda, fazer as suas contas.

Norte-americanos são os que mais gastaram em alojamento em Portugal

Dados da plataforma de alojamento Uniplaces indicam que os estudantes e profissionais oriundos dos Estados Unidos são os que mais gastam em arrendamento no nosso país, seguidos pelo Reino Unido, França, Holanda e Alemanha.

Quais as vantagens de transferir o crédito à habitação para outro banco?

Provavelmente já ouviu falar de casos de familiares ou de amigos que transferiram o seu crédito habitação para outra instituição e quer perceber as vantagens desta operação. Ou talvez considere que tem o melhor spread e precisa de saber se isso é verdade. Neste artigo, João Morais Barbosa, administrador do Grupo Reorganiza, falar das vantagens de transferir o seu crédito habitação para outro banco.
Comentários