Banco Best no Porto a promover a literacia financeira

As três Best Trading Talks vão decorrer no Porto, em Aveiro e Lisboa, e arrancam hoje, dia 5 de dezembro, às 17h30, no HF Ipanema Porto.

O Banco Best vai dar início a um ciclo de três seminários com o objetivo de promover a literacia financeira dos investidores, anuncia o banco online do Grupo Novo Banco.

As três Best Trading Talks vão decorrer no Porto, em Aveiro e Lisboa, e arrancam hoje, dia 5 de dezembro, às 17h30, no HF Ipanema Porto.

“Com o mote “Maior Conhecimento, Melhor Investimento”, os seminários Best Trading Talks pretendem ser uma fonte de informação global sobre o mercado de capitais, orientados para promover junto dos investidores mais e melhores competências para que possam fundamentar as suas decisões de investimento”, lê-se na nota.

“Quem quer investir, de forma profissional e especializada, informada e esclarecida, passa a ter acesso a técnicas e ferramentas que permitem diversificar carteiras num contexto de volatilidade, estar por dentro dos critérios de obrigações e suas metodologias de negociação, conhecer a nova ferramenta “Sinais de Transação”, entre outras dimensões relevantes”, diz ainda o banco.

Recomendadas

Máximo dos Santos defende papel do BdP na aplicação das medidas de resolução aos bancos pequenos

O Banco de Portugal organizou ontem de manhã, em Lisboa, um evento dedicado ao planeamento de resolução de instituições classificadas de menos significativas e das instituições que não estão abrangidas pelo âmbito do Mecanismo Único de Resolução. Juntou 28 instituições de crédito e empresas de investimento e a APB.

António de Sousa passa avaliação de idoneidade

Ex-presidente da Caixa, atualmente gestor do fundo ECS, passou no exame de idoneidade do supervisor a antigos administradores do banco público que continuam ligados ao setor financeiro.

FMI recomenda que Parlamento dê ouvidos aos supervisores na reforma da supervisão financeira

“Os três supervisores setoriais nacionais levantaram preocupações legítimas em relação ao projeto de lei e que merecem uma ponderação cuidadosa no Parlamento antes que este projeto de lei seja aprovado e convertido em lei”, lê-se no comunicado da equipa técnica do FMI que esteve em visita a Portugal.
Comentários