BCP vende terrenos com 60 mil metros quadrados em Miraflores (com áudio)

Dos lotes detidos pelo BCP no loteamento Parque dos Cisnes falta vender apenas um, que tem um potencial de “edificabilidade de 13.198 metros quadrados”.

Millenium bcp (8º lugar)

O Millennium BCP concluiu a venda de 11 lotes de terreno do loteamento Parque dos Cisnes, em Miraflores, concelho de Oeiras, com assessoria da consultora imobiliária Savills, foi esta quinta-feira anunciado. A operação concretizou-se no quarto trimestre de 2020, envolvendo a venda de 11 lotes cuja área total corresponde a cerca de 60.000 metros quadrados de construção para uso residencial.

Em comunicado, a Savills refere que os terrenos vendidos pelo BCP “têm uma finalidade maioritariamente residencial”. “Com localização privilegiada e ótimas condições de acessos rodoviários dada a proximidade ao IC17, fazem prever a construção de um empreendimento de elevados padrões de qualidade, mas sem perder os valores médios praticados na zona”, lê-se.

A consultora imobiliária não revelou a identidade dos compradores, limitando-se a afirmar que se tratam de “três promotores distintos”. Dos lotes detidos pelo BCP no loteamento Parque dos Cisnes falta vender apenas um, que tem um potencial de “edificabilidade de 13.198 metros quadrados”.

O investment development associate na Savills Portugal Nuno Esteves, citado no comunicado, salienta, que os terrenos em causa vão “contribuir para aumentar os níveis de oferta de residências de qualidade na zona de Oeiras, num loteamento já de si estabilizado e com os trabalhos de urbanização e infraestruturas realizados”.

Sobre o último lote ainda nas mãos do banco liderado por Miguel Maya, Nuno Esteves acredita que “não será difícil antecipar o rápido escoamento do último lote disponível”, tendo em conta as características do terreno, incluindo “a localização e dados do estado do licenciamento”.

O loteamento Parque dos Cisnes localiza-se no bairro de Miraflores, na união de freguesias de Algés, Linda-a-Velha e Cruz Quebrada – Dafundo, numa área limítrofe do concelho de Oeiras com Lisboa. De acordo com uma notícia do “Público”, em 2017, o loteamento contempla uma área bruta de construção acima do solo acima dos 171.000 metros quadrados. Ao todo estão em causa cerca de mil novas casas.

A mesma notícia indicava, à época, que os terrenos do Parque dos Cisnes foram colocados no mercado com um preço definido de 125 milhões de euros.

Em janeiro de 2019, o jornal Eco noticiou que a espanhola Gestilar adquiriu 18 lotes de terreno deste loteamento ao BCP, num investimento total de cerca de 80 milhões de euros.

Ler mais
Recomendadas

Projeto de lítio para a mina do Barroso entra em consulta pública

Caso não haja atrasos, a concessionária Savannah prevê receber a DIA em agosto de 2021. Dependente dos resultados do EIA, a construção deve iniciar-se em 2022, prevendo-se alcançar a produção comercial em 2023.

Novo Banco: Luís Filipe Vieira pede adiamento de audição devido a consulta médica

De acordo com o presidente da Comissão Eventual de Inquérito Parlamentar às perdas registadas pelo Novo Banco e imputadas ao Fundo de Resolução, Fernando Negrão (PSD), Luís Filipe Vieira “pediu que a audição fosse adiada para uma data posterior a uma consulta que tem”.

Novo Banco: José Eduardo dos Santos não respondeu a Cavaco Silva sobre BESA

O antigo presidente angolano José Eduardo dos Santos não respondeu a uma carta do antigo homólogo português, Aníbal Cavaco Silva, acerca da situação do BES Angola (BESA), segundo respostas enviadas à comissão de inquérito ao Novo Banco.
Comentários