Bluegrowth inaugura centro internacional de vigilância e monitorização de aquiculturas

Roubos, vandalismo, predadores, degradação da qualidade de água, falhas de equipamentos, condições meteorológicas e erros humanos estão, entre outros, na origem das grandes perdas em aquicultura.

A Bluegrowth, consultora tecnológica portuguesa especializada na Economia do Mar, oficializou o lançamento do serviço integrado de monitorização e vigilância de produções aquícolas, depois de dois meses de período experimental. Um novo serviço que permitir alavancar a internacionalização da empresa.

O sector aquícola conta agora com um serviço de apoio — 24 horas por dia e 7 dias por semana — que integra funcionalidades de videovigilância — submersa e de superfície —, monitorização de qualidade da água, monitorização de equipamentos e eficiência energética de produções aquícolas.

Roubos, vandalismo, predadores, degradação da qualidade de água, falhas de equipamentos, condições meteorológicas e erros humanos estão, entre outros, na origem das grandes perdas em aquicultura. Pode continuar a ler o artigo aqui.

Recomendadas

Feira do Fumeiro de Montalegre. Ministra da Agricultura pede: não desistam do setor primário

Maria do Céu Albuquerque disse estar “encantada com tudo o que aqui me foi apresentado. É a valorização da agricultura, dos produtos endógenos e do trabalho de toda uma comunidade de uma dinamização do interior do País. Levamos algum trabalho de casa com projectos que nos foram apresentados e que vão muito ao encontro do que nós queremos desenvolver em todo o País no domínio da agricultura”.

Viana do Castelo mostra em Paris projecto de preservação dos garranos nas serras de Arga e Santa Luzia

Recorde-se que o projecto “Percursos do Homem e do Garrano”, financiado pelo Norte 2020 – Património Natural, foi desenvolvido pelo Município de Viana do Castelo ao longo dos últimos anos através da implementação de diversas acções e iniciativas.

Armadores internacionais e portugueses juntos por um cluster marítimo mais forte

A EISAP – European International Shipowners Association of Portugal foi fundada em 2016, representando mais de 80% dos armadores que possuem navios que ostentam a bandeira portuguesa.
Comentários