Bolsa de Lisboa com ligeiro recuo pressionada pela NOS, EDP e Mota-Engil

As praças europeias negoceiam em terreno misto na sessão desta terça-feira.

A bolsa de Lisboa está a recuar ligeiramente na sessão desta terça-feira: 0,01% para 4.452,14 pontos.

Lá fora, Paris desce 0,15%, com Madrid a valorizar 0,43% e Frankfurt a ganhar 0,37%.

De regresso a Lisboa, a NOS lidera as quedas no PSI 20 ao recuar 0,70% para 3,96 euros.

Segue-se a EDP com uma descida de 0,63% para 4,39 euros, a Mota-Engil que recua 0,33% para 1,19 euros e a Navigator que perde 0,09% para 2,19 euros.

Do lado dos ganhos, a Pharol avança 1,08% para 0,11 euros, seguida da Jerónimo Martins que sobe 0,77% para 14,48 euros, e da Corticeira Amorim que valoriza 0,61% para 9,95 euros.

Destaque para a Semapa que ganha 0,25% para 8,00 euros e para a Galp que valoriza 0,20% para 10,15 euros.

Entre as ações mais negociadas, a EDP lidera com 1,8 milhões de títulos trocados. Segue-se a Galp com 933 mil ações negociadas e a Jerónimo Martins com 329 mil.

Esta segunda-feira são divulgados os resultados do BCP, com os analistas do CaixaBank/BPI a esperar uma subida de 93% para 31 milhões de euros no segundo trimestre, segundo avançou o Jornal de Negócios.

Esta semana estão previstos mais resultados de bancos: Santander na quinta-feira, e BPI e Caixa Geral de Depósitos na sexta-feira.

 

Ler mais

Recomendadas

Wall Street fecha misto, alavancado pelas tecnológicas

Os principais índices bolsistas dos Estados Unidos encerraram no vermelho – com a exceção do tecnológico Nasdaq, que fechou a ganhar mas apenas ligeiramente. O dia ficou marcado pela divulgação dos resultados de várias empresas

BCP, Altri e Galp recuam e põem PSI-20 em rota descendente em linha com a Europa

A banca puxou o IBEX para as maiores perdas da Europa à custa dos resultados do Santander. O BCP não escapou e fechou em queda significativa no dia em que os lucros da unidade polaca caem 75%. A Galp e a Altri lideraram as perdas num índice com 13 ações em queda.

Wall Street abre mista com Nasdaq em alta

Destaque para as reações positivas às contas da Harley-Davidson, Nxp Semiconductors, AMD, Merck & Co e JetBlue. A Xilinx também segue animada. No plano macroeconómico foi revelado que as encomendas de Bens Duradouros nos EUA apresentaram um bom registo em setembro.
Comentários