Câmara de Lisboa confirma buscas da PJ relacionadas com vários projetos urbanísticos

A Polícia Judiciária está a efetuar esta terça-feira buscas na Câmara de Lisboa, nas instalações do Campo Grande e nos Paços do Concelho. Suspeitas estão relacionadas com vários projetos urbanísticos e empreitadas.

A Polícia Judiciária (PJ) está desde o início da manhã desta terça-feira a fazer buscas na Câmara Municipal de Lisboa. Buscas foram confirmadas pela autarquia que dá conta de suspeitas relacionadas com vários projetos urbanísticos e empreitadas. Inspetores da Unidade de Combate à Corrupção (UNCC) estão recolher documentos e elementos de prova através da análise computadores em dois edifícios onde está instalado o departamento de gestão urbanística, no Campo Grande.

A autarquia da Lisboa confirmou que “esta manhã uma equipa da Polícia Judiciária, a pedido do DIAP, realizou buscas nas instalações da Autarquia no Campo Grande e Paços do Concelho”, detalhando as diligências estão relacionadas com várias denúncias, “incluindo a participação ao Ministério Público pelo próprio Município na empreitada na Segunda Circular cancelada pela autarquia”.

Em causa estarão “processos urbanísticos (Hospital da Luz, Torre da Av. Fontes Pereira de Melo, Petrogal, Plano de Pormenor da Matinha, Praça das Flores, Operação Integrada de Entrecampos, Edifício Continente, Twin Towers, Convento do Beato)”. E “empreitadas: Segunda Circular, São Pedro de Alcântara e Piscina Penha de França. Tanto a empreitada anulada pelo Município na Segunda Circular, como a Torre de Picoas e Hospital da Luz, já tinha sido adiantado, pela Procuradoria-Geral da República, estarem a ser alvo de investigação”.

Segundo a câmara liderada por Fernando Medina, tanto a empreitada anulada pelo município na Segunda Circular, como a Torre de Picoas e Hospital da Luz, já tinha sido adiantado ao jornal “Público”, pela Procuradoria-Geral da República, estarem a ser alvo de investigação, a 18 de julho de 2017.  “As diligências hoje efetuadas são as primeiras que a Câmara tem conhecimento sobre estes processos”, conclui.

Segundo a TVI, o alvo principal das buscas é o antigo vereador do Urbanismo, Manuel Salgado.

O município facultou toda a documentação e prestou toda a colaboração ao Ministério Público e PJ, como sempre acontece quando solicitado.

Ler mais
Recomendadas

Banco Montepio passa de lucros a prejuízos de 15,9 milhões de euros no primeiro trimestre

De acordo com um comunicado enviado pelo banco à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a instituição que pertence à Associação Mutualista Montepio refere que para o resultado foi “determinante (…) a obtenção de menores ganhos com transações de títulos relevados na rubrica de Resultados de operações financeiras”.

Governo aprova 11 milhões de euros para SIRESP de indemnização compensatória

A indemnização compensatória foi aprovada no dia em que o Presidente da República promulgou o decreto-lei que define o modelo transitório de gestão, operação, manutenção, modernização e ampliação da rede de comunicações do Estado SIRESP.

De Amorim a Varandas: como o Sporting CP quebrou um jejum de 19 anos. Veja o “Jogo Económico”

Acompanhe o programa “Jogo Económico” na plataforma multimédia JE TV, através do site e das redes sociais do Jornal Económico.
Comentários