Carros a gasóleo continuam a dominar no mercado de usados

Os anúncios de carros usados a gasóleo correspondem a 73% do total no portal Standvirtual, seguidos dos automóveis a gasolina (23%). As cores de automóveis mais procuradas pelos portugueses são o cinzento e o preto.

Os carros a gasóleo continuam a dominar no mercado automóvel de usados. Os anúncios de carros usados a gasóleo correspondem a 73% do total no portal Standvirtual.

Seguem-se os automóveis movidos a gasolina (23,5%), híbridos a gasolina (1,54%), e só depois os elétricos. O preço médio anunciado por automóvel fixou-se nos 17 mil euros num total de 256,193 mil unidades.

Num balanço ao ano de 2019, a Standvirtual aponta que entre compradores e vendedores foram trocadas 885 mil mensagens. As cores de automóveis mais procuradas são o cinzento (34%) e o preto (27%). No portal, os automóveis dominam com 87% dos anúncios, surgindo depois os veículos comerciais 6% e as motos 4%.

Este anúncio chega numa altura em que os carros movidos a gasóleo estão sob um intenso escrutínio, devido a um estudo publicado pela Federação Europeia dos Transportes e Ambiente (FETA) esta semana. Numa comparação aos diferentes combustíveis, o estudo conclui que os automóveis a gasóleo “são até mil vezes mais poluentes” que os movidos a gasolina.

O presidente do Automóvel Clube Portugal (ACP), Carlos Barbosa, questionou a veracidade desta conclusão. “Os estudos que nós temos, quer na Federação Internacional Automóvel, quer nas comissões de sustentabilidade, mostram precisamente o contrário, por isso este estudo para mim não tem qualquer tipo de interesse”, afirmou, citado pela Renascença.

Recomendadas

Portugal quer garantir “corredor aéreo” para turismo britânico

No ano passado, mais de 16 milhões de turistas internacionais chegaram a Portugal, sendo que do total deste valor, 20% eram cidadãos do Reino Unido.

Spamflix: o prefixo do streaming de culto

“Acreditamos que os nossos filmes são todos equivalentes e só no caso de filmes inéditos é que podemos aumentar o preço por um breve período”, afirmou Markus Duffner, um dos fundadores da Spamflix, em entrevista ao Jornal Económico.

Treze concelhos de Faro, Bragança e Portalegre em risco muito elevado de incêndio

Treze concelhos dos distritos de Faro, Bragança e Portalegre apresentam hoje um risco muito elevado de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).
Comentários