Castro Marim inaugura ciclovia da Lezíria com acesso à reserva do sapal

A ciclovia foi estreada esta sexta-feira por atletas de associações dos concelhos de Castro Marim e Vila Real de Santo António numa volta de bicicleta.

A Ciclovia da Lezíria liga a vila de Castro Marim à cidade de Vila Real de Santo António, no Algarve, num percurso de cerca de 3 Km, que permite o acesso ao interior da reserva do sapal.

Inaugurada esta sexta-feira por atletas de associações dos dois concelhos numa volta de bicicleta – na foto pode ver-se Amândio Norberto, presidente dos Leões do Sul Futebol Clube -, a obra está enquadrada no PO CRESC Algarve 2020, sendo apoiada por Portugal e pela União Europeia e cofinanciada a 70% pelo FEDER.

“Finalmente podemos fazer este trajeto em segurança, apreciando o património ambiental invejável. Estamos perante uma infraestrutura que respeita e promove os valores ambientais, respeita e promove a história da ligação entre estes dois povos, respeita e promove o turismo e o dinamismo económico destas localidades, respeita e promove a saúde de cada um de nós”, realçou o presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, Francisco Amaral.

A próxima infraestrutura ciclável vai ligar Castro Marim à Praia Verde, no mesmo concelho. A empreitada está estimada em cerca de 850 mil euros, mais IVA, e será cofinanciada em metade pelo FEDER. Localizada na EN 125-6, a via de acesso à freguesia de Altura e ao IC27, deverá ter uma extensão de cerca de 5 Km.

A ciclovia que fechará o circuito do triângulo verde, Vila Real de St. António – Praia Verde, será um troço da Ecovia do Litoral e do EuroVelo, promovida pela CCDR – Algarve e pela AMAL.

 

Ler mais
Recomendadas

Dos 549 milhões para o PIB aos 150 milhões em impostos. Quanto pesa a indústria do futebol em Portugal? Amanhã há “Jogo Económico”

A nova edição do Anuário do Futebol Profissional Português, uma parceria entre a Liga Portugal e a EY, regista o contributo total desta indústria para o PIB português, as receitas geradas pelas 32 SAD e os impostos arrecadados pelo Estado português a partir do futebol. Não perca o debate esta sexta-feira às 19h00.

Arsenal quer despedir 55 trabalhadores mas paga a Mesüt Özil 388 mil euros por semana em salários

O clube londrino comunicou a sua decisão de continuar com um processo de reestruturação que considera necessário. Adeptos e jogadores não ficaram contentes.

AS Roma vai ter novos donos. Negócio próximo de 600 milhões de euros

O acordo anunciado termina definitivamente o envolvimento de Jim Pallotta no clube que, nos últimos meses, já tinha demonstrado o interesse em abandonar o projeto, depois dos planos para a construção de um novo estádio terem ficado paralisados.
Comentários