Cerca de 30 concelhos do interior Centro e Algarve em risco máximo de incêndios

O IPMA prevê para esta sexta-feira uma pequena descida das temperaturas máximas em todo o território e das temperaturas mínimas no interior da região Sul.

Cerca de 30 concelhos do interior Centro do país e do Algarve estão esta dexta-feira em risco máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), que prevê para hoje uma pequena descida das temperaturas.

De acordo com o IPMA, estão em risco máximo cerca de 30 municípios dos distritos de Vila Real, Viseu, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Santarém e Faro.

Em risco muito elevado, o IPMA colocou a maioria do interior Norte e Centro do país e cerca de 10 municípios no Algarve no distrito de Beja.

De acordo com o IPMA, estão em risco elevado de incêndio toda a região do Alentejo e mais cerca de 50 municípios nos distritos de Santarém, Lisboa, Leiria, Coimbra, Viseu, Aveiro, Porto, Vila Real, Braga e Viana do Castelo.

Em risco moderado e reduzido o IPMA colocou todo o litoral Norte do país e mais de 20 concelhos distritos de Setúbal, Santarém, Lisboa e Leiria estão igualmente em risco moderado.

O risco de incêndio definido pelo IPMA é calculado a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas. Tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo.

O IPMA prevê para hoje uma pequena descida das temperaturas máximas em todo o território e das temperaturas mínimas no interior da região Sul.

Céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se muito nublado no litoral a norte do Cabo Raso até meio da manhã. A nebulosidade poderá persistir em alguns locais da faixa costeira.

O vento vai soprar moderado do quadrante oeste, mas por vezes forte na faixa costeira da região Sul a partir da tarde e nas terras altas do Centro e Sul do país até meio da manhã.

Haverá ainda neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais do litoral Norte e Centro do país.

As temperaturas máximas vão variar entre os 21 º (Aveiro) e os 31º (Évora e Castelo Branco) e as mínimas vão descer até aos 11º (Viseu e Guarda).

Ler mais
Recomendadas

Associações empresariais contestam duplicação da taxa de gestão de resíduos

O Governo aprovou na passada quinta-feira, dia 17 de setembro, em Conselho de Ministros, uma alteração ao regime geral de gestão de resíduos, aumentando o valor da taxa de gestão de resíduos (TGR), de 11 euros por tonelada, para 22 euros por tonelada, a partir de janeiro de 2021.

Pacto Português para os Plásticos quer reiventar o uso deste material

‘Vamos Reinventar o Plástico’ é o mote da campanha do Pacto Português para os Plásticos, que arranca hoje [dia 18 de setembro] e que pretende sensibilizar os consumidores portugueses para uma utilização responsável do plástico.

António Guterres pede aos governos para não apoiarem indústrias de combustíveis fósseis

“Ou podemos investir nas tecnologias do futuro, energia renovável, soluções baseadas na natureza, transporte sustentável e tecnologias verdes”, acrescentou o secretário-geral da ONU, dizendo que apenas este último é o caminho “racional”.
Comentários